Fapesc seleciona bolsistas para programa de combate à desigualdade e para núcleo de processos

Edição: Felipe Silveira
Foto: Fapesc
Informações: Governo de SC

A Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação de Santa Catarina (Fapesc) está com inscrições abertas para bolsistas em duas áreas. São 31 vagas para atuar no apoiar o programa de combate à desigualdade lançado pelo governo do estado, o Gente Catarina, e 30 para compor o Núcleo de Processos (Nuproc) do governo, com objetivo de levar ações de ciência, tecnologia e inovação para os órgãos públicos do estado. O valor da bolsa é de R$ 4,8 mil.

Para o Gente Catarina, os interessados podem se inscrever na plataforma da Fapesc. Primeiro deve-se fazer o cadastro na plataforma e em seguida buscar pelo edital 43/2021. A partir daí é só seguir as etapas de submissão. Há vagas em diversas áreas do conhecimento para atuar nas seguintes cidades: Caçador (6 vagas); Chapecó (6); Florianópolis (3); Lages (7); Rio do Sul (7); Videira (1) e Xanxerê (1).  As bolsas têm duração de um ano, podendo ser renovadas por mais um ano.

Já para o Nuproc, o procedimento é o mesmo, mas o interessado deve buscar pela chamada pública 44/2021, seguindo o passo a passo do sistema. O presidente da Fapesc, Fábio Zabot Holthausen, explicou que este edital para o Nuproc faz parte de um programa que tem como objetivo justamente levar ações de ciência, tecnologia e inovação para dentro dos órgãos públicos do estado.

“Esses bolsistas e a própria formação do Nuproc vem contribuir com o papel da Fapesc de dar apoio para melhorias no serviço público. Além de bolsas, esse programa permitiu ações de inovação e de pesquisa envolvendo os órgãos e secretarias do governo de Santa Catarina, com ótimos resultados”, destacou.