Mutirão de regularização concedeu mais de 60 licenças para comércio ambulante

Edição: Felipe Silveira
Foto e informações: Prefeitura

Cerca de 140 comerciantes ambulantes foram atendidos no mutirão de regularização realizado pela prefeitura de Joinville na sexta-feira (1º). Dessas, 64 saíram do Ginásio Abel Schulz com as licenças emitidas e outras dezenas deram entrada no processo. O governo promoveu a ação após multar um vendedor de cocadas em caso que revoltou a população.

O mutirão foi uma ação da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente (Sama), da Secretaria da Assistência Social (SAS), da Vigilância Sanitária e da equipe do Espaço do Empreendedor. A ação também direcionou 20 pessoas para o Centro Público de Atendimento aos Trabalhadores (Cepat), que fez o encaminhamento dentro das vagas de trabalho disponíveis na cidade e apresentou opções para os ambulantes que tinham produtos que não poderiam ser regularizados.

“Esta ação trouxe resultados positivos garantindo a formalização desses trabalhadores que muitas vezes, por falta de conhecimento, não buscam a licença. A secretaria vai realizar novas ações a fim de possibilitar que mais pessoas atuem de forma regular no município”, comentou Fábio Jovita, secretário da Sama.

Quem não compareceu ao Mutirão de Regularização pode dirigir-se até a Sama, de segunda à sexta-feira, das 8 às 14 horas. A Sama fica no Centro de Atendimento ao Cidadão, localizado na rua João Colin, 2.719, no bairro Santo Antônio.

“O atendimento da Unidade de Concessões e Permissões da Sama é por agendamento. Mas, especificamente para o comércio ambulante, um servidor ficará disponível para atender esse serviço, sem necessidade de agendamento. Atenderemos tanto para dar informações, quanto para realizar os procedimentos da licença” explica Dayane Candido Bento, gerente de Concessões e Permissões da Sama.