Governo de SC aumenta orçamento do esporte e lança programas para o setor

O governo de Santa Catarina apresentou na quarta-feira (4) o programa SC Mais Esporte. Além de incrementar o orçamento da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), que passará a ter cerca de R$ 60 milhões por ano (quase o triplo do atual), foram anunciados R$ 5,6 milhões em investimentos destinados à construção e reformas de instalações esportivas, o que será feito por meio de convênio com municípios.

“O esporte leva saúde e qualidade de vida para as pessoas. As olimpíadas de Tóquio nos mostram todo dia histórias de superação e de que com o investimento em esportes se vai longe”, disse o governador Carlos Moisés.

No lançamento do SC Mais Esporte, foi realizado um ato simbólico com a distribuição de materiais esportivos para 1.088 escolas catarinenses, onde estão sendo investidos mais de R$ 3,2 milhões. São bolas, raquetes de badminton, petecas, redes de vôlei, futsal e basquete que serão entregues às escolas públicas estaduais.

“Mais esporte contribui para a melhora de vários indicadores em nosso estado: saúde, educação, segurança pública e desenvolvimento econômico. Sou professor e sei o que essas entregas de material esportivo e infraestrutura impactam no desenvolvimento do esporte, especialmente nas escolas”, destacou o presidente da Fesporte, Kelvin Soares.

Também foi anunciado o Programa de Iniciação Desportiva Escolar. O governo do estado está disponibilizando mais de 500 bolsas para estudantes universitários de Educação Física, que irão desenvolver projetos de iniciação esportiva por todo o estado. Esses projetos terão acompanhamento da Fesporte, de universidades parceiras e de entidades beneficiadas, beneficiando mais de 20 mil crianças e adolescentes de 10 a 16 anos. Serão mais de R$ 4 milhões em bolsas e outros R$ 2 milhões em materiais esportivos nessa primeira etapa do projeto.

Outras ações do SC Mais Esporte estão em fase de regulamentação, como o programa Mexa-se, que visa estimular e desenvolver a prática de atividade física para adultos e idosos, com idade a partir de 40 anos, com foco na prevenção e promoção da saúde no âmbito das políticas públicas. O programa bolsa atleta estadual também fará parte do orçamento da Fesporte no próximo ano.

Edição: Felipe Silveira
Foto e informações: Governo de SC