Vereadores solicitam que prefeito suspenda reforma da previdência

Os vereadores Adilson Girardi (MDB), Ana Lúcia Martins (PT), Cassiano Ucker (Cidadania), Cláudio Aragão (MDB), Lucas Souza (PDT) e Sidney Sabel (DEM) protocolaram ofício no gabinete do prefeito Adriano Silva solicitando a suspensão da tramitação dos projetos de lei que alteram a Previdência dos Servidores Públicos Municipais de Joinville.

O documento entregue na manhã desta terça-feira (25) sugere que o município aguarde até que as contas do Ipreville sejam auditadas por profissional a ser contratado pelo sindicato da categoria (Sinsej). O requerimento também será protocolado junto à presidência do legislativo.

“A auditoria do Ipreville é o que vai nos dar informações coerentes quanto ao déficit atuarial. É fundamental para que isso seja tramitado com a devida isenção e para que os parlamentares saibam o limite do alcance do servidor público nessa proposta”, comentou o vereador Lucas Souza. “É a partir disso que poderemos no processo legislativo colocar o que é justo e o que é correto”, completou.

Os três projetos que compõem a reforma já passaram pela Comissão de Legislação e Justiça e agora tramitam em conjunto nas comissões de Finanças e de Saúde. A intenção dos vereadores proponentes da suspensão é de que o governo sinalize com a interrupção das análises até que se esclareçam as dúvidas dos vereadores e dos servidores públicos em relação ao cálculo atuarial.


Texto: Felipe Silveira
Foto e informações: Divulgação