Comissão de Educação cobra agilidade na compra de vagas em CEIs

A Comissão de Educação da Câmara de Vereadores de Joinville (CVJ) decidiu, em reunião da tarde de terça-feira (27), enviar ofício à Procuradoria-geral do Município em que pede agilidade no aditivo do contrato para a compra de vagas em centros de educação infantil particulares e filantrópicos.

Presidente da comissão, Brandel Junior (Podemos) disse que “a situação está muito complicada para os centros de educação infantil, que estão fechando mais um mês no vermelho”. O vereador Neto Petters (Novo) também se manifestou. Ele acrescentou que está difícil gerenciar CEIs particulares, já que os valores pagos estão defasados.

Ana Lúcia (PT) alegou que há um déficit de vagas nos CEIs da Prefeitura e que é preciso contar com as vagas de outras unidades para atender à demanda. Ela destacou, entretanto, que a Prefeitura deve manter o compromisso de construir mais CEIs para zerar o déficit de vagas.


Edição: Felipe Silveira
Foto: Mauro Artur Schlieck/CVJ
Informações: Divisão de Jornalismo da CVJ