MST entrega carta aberta à Assembleia Legislativa

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Julio Garcia (PSD), recebeu uma carta aberta do Movimento dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais Sem Terra (MST) de Santa Catarina, entregue pelo seu coordenador estadual, o ex-deputado Vilson Santin. O encontro, que faz parte de uma ação nacional e internacional do movimento, ocorreu na manhã de quarta-feira (9).

Receba notícias pelo Whatsapp

O objetivo do MST é destacar a importância e necessidade da reforma agrária no Brasil, como forma de gerar trabalho, renda e, principalmente, como forma de produzir mais alimentos saudáveis.

A carta relata os feitos dos 35 anos de atuação do MST em Santa Catarina, como a conquista de mais de 80 mil hectares de terras em diversas regiões, que possibilitou a aproximadamente 30 mil pessoas viverem com dignidade e produzir alimentos para autoconsumo e para alimentar a população, detalha o coordenador. “Somos mais de seis mil famílias organizadas em mais de 140 assentamentos”, explicou Santin.

Santin aproveitou para entregar ao presidente da Assembleia Legislativa uma cesta de alimentos saudáveis, com a marca Terra Viva, produzidos nos assentamentos do MST em Santa Catarina. “São alimentos saudáveis, orgânicos, agroecológicos, diversificados para mostrar a pujança e os frutos da reforma agrária em Santa Catarina”, comentou.


Edição: Felipe Silveira
Foto: Bruno Collaço/Alesc
Informações: Alesc