Moisés anuncia novos secretários em busca de relacionamento mais azeitado

Ainda na sexta-feira (27), na coletiva de imprensa que deu na volta ao cargo, o governador Carlos Moisés divulgou mudanças no primeiro escalão de Santa Catarina. São novos nomes para a Casa Civil, para a Secretaria de Comunicação e para a Procuradoria-Geral do Estado.

Na Casa Civil, Eron Giordani (foto) será o novo chefe. Ele já atuou como secretário da Casa Civil nas prefeituras de Chapecó e de Florianópolis, além de ter participado do Conselho de Administração da Celesc. Nos últimos dois anos, atuou na chefia de gabinete da presidência da Assembleia Legislativa (Alesc). Ex-braço direito de Julio Garcia (PSD) na Alesc, Giordani é a marca de uma nova fase do governo, que vai buscar um relacionamento muito mais azeitado com o parlamento.

“Os deputados estaduais se sentiram amplamente representados com essa escolha. Conversei com os líderes de bancada sobre esse convite, que foi aceito, e o diálogo se estabelece e se amplia. O Eron não é deputado, mas conhece amplamente a atividade parlamentar e tem experiência pública”, reforçou Carlos Moisés.

Na Secretaria de Comunicação, assume o jornalista Jefferson Douglas. Ele já atuou em vários veículos de comunicação do estado, foi coordenador de imprensa do Governo do Estado em 2019 e atuava mais recentemente na assessoria do BRDE.

“É um nome que o mercado conhece. Foi consensuado entre os veículos de comunicação e as associações que representam o jornalismo em Santa Catarina. Houve muita conversa nesses dias de novembro em que estive afastado”, salientou o governador.

Por fim, foi anunciado o retorno de Alisson de Bom de Souza ao cargo de procurador-geral estadual. Funcionário de carreira da instituição, ele já havia comandado a pasta, que cuida dos interesses jurídicos do estado, na maior parte do ano de 2020.


Texto: Felipe Silveira
Foto: Mauricio Vieira/Governo de SC
Informações: Governo de SC