Adriano Silva propõe cinturão de câmeras de vigilância

Adriano Silva (Novo) participou na terça-feira (13) de reunião com associados da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Joinville e destacou propostas para a segurança. Segundo ele, vai criar o cinturão de segurança na cidade, instalando câmeras de vigilância para identificar placas de automóveis, de modo que profissionais da área possam ter acesso às imagens para monitorar ocorrências.

Outro projeto para a área é a criação do Gabinete de Gestão Integrada, vinculado à Secretaria de Proteção Civil e Segurança Pública. O objetivo é integrar as polícias Militar, Civil e Federal, Guarda Municipal, Defesa Civil, Bombeiros, Exército, sistemas de segurança privada e áreas afins.

“Hoje a polícia civil já acessa pelo menos 80 câmeras particulares, mas podemos ampliar muito esse acesso e facilitar os trabalhos de investigação”, detalhou Adriano.

Segundo ele, a tecnologia citada é joinvilense e está sendo usada com sucesso na capital São Paulo. “É difícil entender porque uma solução que foi desenvolvida em nossa cidade, com eficiência comprovada em grandes centros urbanos, nunca foi estudada para Joinville”, apontou.

A entidade está realizando o encontro com todos os candidatos, no qual entrega um documento com suas demandas. O representante do Novo recebeu e comentou a carta. Disse, entre outros temas questionados pela CDL, que o projeto “Distrito Criativo” vai ressignificar o centro e atrair jovens empreendedores de startups, gerando circulação de mais pessoas e promovendo a abertura de novas opções de gastronomia e entretenimento.


Texto: Felipe Silveira
Foto: Assessoria da campanha