Apenas 20% dos lojistas aderem novo horário proposto pela CDL Joinville

Em nota à imprensa, a CDL Joinville lamentou a baixa adesão do comércio para abrir as portas às 10 horas. O objetivo com a medida é reduzir a aglomeração no horário de pico, evitando maior contágio por covid-19 e, assim, evitando um isolamento total (lockdown). Segundo a entidade, apenas 20% das lojas abriram as portas no horário sugerido.

“Lamentamos que um número tão baixo de lojistas aderiu. A nossa intenção é evitar um novo lockdown”, afirma o presidente da entidade, José Manoel Ramos, que pediu a quem já aderiu que continue enquanto durar a pandemia. A própria CDL vai continuar abrindo às 10 horas.

Para José, é melhor abrir as lojas com restrições do que fechar totalmente, como ocorreu em março. “Se os ônibus pararem de circular, o comércio será o grande prejudicado”, afirmou.

A CDL Joinville lembra que todos os joinvilenses devem usar máscara ao sair de casa, higienizar as mãos com frequência e idosos devem respeitar as medidas restritivas. Para os estabelecimentos comerciais, a orientação é oferecer álcool em gel 70% na entrada, manter o local ventilado e manter distanciamento entre os clientes.


Texto: Felipe Silveira
Foto: Governo de SC
Informações: CDL Joinville