Secretaria da Saúde lança material para empresas sobre covid-19

Para auxiliar empresas no combate à covid-19, a Prefeitura de Joinville preparou um material sobre o tema. Elaborado pelo Centro de Vigilância em Saúde, contém dicas de prevenção e cuidados nos ambientes de trabalho e com os funcionários, como procedimentos de afastamento e de higienização.

Em relação a afastamentos, são para funcionários dos grupos de risco: com idade igual ou superior a 60 anos; cardiopatias graves ou descompensados; pneumopatias graves ou descompensados; imunodepressão; doenças renais crônicas em estágio avançado; diabetes mellitus, conforme avaliação clínica; doenças cromossômicas com estado de fragilidade imunológica; gestação de alto risco.

Na impossibilidade do afastamento, estes trabalhadores deverão atuar na área de gestão e suporte, sem contato com casos suspeitos. Também devem ser afastadas pessoas com suspeita de síndrome gripal (febre, tosse, dor de garganta ou dificuldade respiratória).

Se for identificado caso suspeito ou confirmado de covid-19 numa empresa, os protocolos de limpeza devem ser intensificados, essencialmente nos locais onde há maior contato das mãos, como corrimões, interruptores e maçanetas.

Exemplos

Evitar o contato com materiais e sempre higienizá-los. Até mesmo a circulação de papeis e documentos impressos deve ser evitada. Higienizar mesas e utensílios antes e após a sua utilização.

As janelas e portas do local de trabalho devem ser mantidas abertas e com ventilação natural. Evitar compartilhar materiais e sempre higienizá-los. A aglomeração de pessoas deve ser evitada.

Todos os profissionais obrigatoriamente deverão usar máscaras da maneira correta, além dos EPI’S (Equipamentos de Proteção Individual) específicos para cada atividade. Ao tossir ou espirrar, utilizar a etiqueta da prevenção: cobrindo a boca e o nariz, usar lenços de papel ou cotovelo flexionado, seguido de higiene das mãos.

Como o vírus é altamente contagioso, por meio do contato com secreções respiratórias, gotículas de saliva, e pode sobreviver por horas e até dias em diferentes superfícies, evitar tocar olhos, nariz e boca. Fazer a higiene das mãos com frequência, lavando com água e sabão, ou utilizando álcool 70%.

Os bebedouros de torneira a jato, onde há contato com a boca, devem ficar lacrados. Devem ser usados copos individuais em bebedouros e não tocar o copo nas saídas de água. O ponto digital também deve ser higienizado após cada uso.

No retorno para casa, orientar os funcionários a seguirem protocolos de limpeza e desinfeção, deixando o sapato do lado de fora e tomando banho antes de contato com objetos, animais ou pessoas.


Edição: Camila Freitas
Foto: Divulgação
Informações: Prefeitura