Ação social arrecada donativos para trabalhadores da construção civil

O Sindicato da Indústria da Construção Civil de Joinville (Sinduscon) e o Serviço Social da Indústria da Construção Civil (Seconci) realizam a campanha Ajudar Faz Bem. A iniciativa pretende arrecadar alimentos não perecíveis e produtos de higiene que serão destinados aos trabalhadores do setor afetados pela crise do novo coronavírus.

As doações podem ser entregues até o dia 29 de maio, na sede do Seconci Joinville (rua Plácido Gomes, 15, bairro Bucarein), de segunda a sexta-feira, das 8 às 12 horas e das 13h30 às 17 horas. As empresas da cadeia da construção civil da cidade que quiserem se tornar um ponto de coleta também podem participar. Ao final da campanha, o Seconci irá buscar os donativos e fará a entrega aos beneficiados.

Para ter direito às cestas básicas e aos kits de higiene, os trabalhadores da construção civil de Joinville precisam fazer um cadastro pela internet ou pelos telefones 3425-2288 (Sinduscon) ou 3433-5737 (Seconci). As prioridades serão as famílias com profissionais em grupo de risco, com contratos de trabalho suspensos, jornada reduzida, renda de até dois salários mínimos ou desempregados.

De acordo com o presidente do Sinduscon Joinville, Vilson Buss, além de receber os kits de alimentos e produtos de higiene pessoal, as famílias também serão orientadas sobre os cuidados de prevenção contra a covid-19. “Queremos contribuir principalmente com aqueles que tenham sido afetados neste momento difícil que o país atravessa, ajudando com itens de necessidade básica e com informação essencial para garantir a saúde de todos”, diz.

O presidente do Seconci, Jorge Luiz Correia de Sá, explica que toda a comunidade está convidada a participar com doações, assim como as empresas do setor, construtoras, incorporadoras, imobiliárias e fornecedores. “É hora de unir esforços até que a normalidade se restabeleça e as atividades econômicas voltem à plena capacidade”, comenta.

Ao final da campanha, as duas entidades irão entrar em contato com as famílias cadastradas e selecionadas. Todas as cestas com donativos serão higienizadas e as entregas serão agendadas para evitar aglomeração, respeitando as determinações dos órgãos de saúde.

A distribuição ocorrerá na sede do Seconci, mediante comprovação das informações prestadas pelos trabalhadores no cadastro prévio e apresentação da carteira de trabalho, documento de identidade e declaração da empresa empregadora, caso o profissional esteja cumprindo redução de jornada ou suspensão de contrato.


Edição: Felipe Silveira
Foto e informações: Assessoria