Católicos e luteranos decidem estender quarentena

Mesmo com a liberação de cultos e missas presenciais pelo governo de Santa Catarina, católicos e luteranos decidiram estender a quarentena. Enquanto católicos planejam uma retomada gradativa, com o retorno de missas presenciais a partir do dia 3 de maio, luteranos disseram que precisam de mais tempo para estudar a decisão do governo e assim implementar o que for necessário para o retorno seguro e gradual das atividades presenciais.

De acordo com nota da Diocese de Joinville, até 2 de maio as igrejas estarão abertas para orações individuais e, a partir do dia 3, as missas retornam de maneira gradativa, de acordo com as determinações do governo. Demais atividades, como reuniões, encontros, catequese, festas e eventos permanecem suspensos. A decisão da diocese, divulgada no início da tarde desta quarta-feira (22), vale para as paróquias nos 18 municípios da região Norte.

Em carta assinada pelos quatro pastores sinodais de SC, luteranos disseram que a orientação geral da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (IECLB), referente a não realização de atividades presenciais, continua em vigor. Assim, quando julgarem que há possibilidade de um retorno seguro e gradual para as atividades presenciais, as lideranças locais serão orientadas.


Texto: Felipe Silveira
Foto: Paróquia Santo Antônio
Informações: Diocese de Joinville | IECLB