Equipes médicas de Joinville recebem capacitação contra a febre amarela

Dois médicos do Ministério da Saúde estarão em Joinville, nesta terça-feira (28), para capacitar equipes médicas de Pronto Atendimento, UTI e de epidemiologia do município para diagnóstico e manejo clínicos relacionados à febre amarela. Como a doença tem sintomas parecidos com outras (tais como febre, pele amarelada e dor de cabeça), o objetivo é chegar ao diagnóstico o mais rápido possível.

Na última segunda-feira (20), a Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive/SC), da Secretaria de Estado da Saúde (SES), divulgou uma nota afirmando que 64 macacos haviam morrido com suspeita de febre amarela em Santa Catarina.

A capacitação será realizada no auditório da Secretaria da Saúde, das 8 às 11 horas. O gerente do Centro de Vigilância em Saúde, Henrique Deckmann, alerta mais uma vez para a possibilidade de óbitos se a cobertura vacinal não estiver completa. “A febre amarela já começou pesada este ano”, afirmou Henrique.

A proteção contra a doença é por meio da vacina, indicada para crianças a partir dos nove meses e adultos até os 59 anos de idade, que ainda não foram imunizados. Quem desejar receber a dose ou confirmar a necessidade, basta procurar a Unidade Básica de Saúde mais próxima de casa.

Em Joinville, do ano passado até agora, foram imunizadas 222.823 pessoas. Apenas no período de 22 de dezembro de 2019 a 22 de janeiro deste ano, foram 10 mil imunizações.


Edição: Fernando Costa
Foto: Agência Brasil
Informações: Prefeitura de Joinville