Celesc encerra chamada para construção de 23 eletropostos nesta semana

Estão abertas até a próxima sexta-feira (10) as inscrições para a Chamada Pública que vai selecionar parceiros interessados em aderir ao projeto de expansão dos corredores elétricos em Santa Catarina, com a instalação de 23 novas estações de recarga, os chamados eletropostos, em diversos pontos do estado. As inscrições podem ser realizadas por aqui.

Os interessados devem possuir infraestrutura adequada, conforme o modelo da estação de recarga, além do investimento inicial, que poderá variar conforme o tipo de eletroposto de interesse da empresa. As participações vão de, aproximadamente, R$ 3 mil até R$ 12 mil, a depender do modelo do equipamento, valores que incluem a adequação visual do espaço com a pintura da vaga e a instalação de uma placa de identificação do ponto do corredor elétrico. A contrapartida da Celesc será de até R$ 97,5 mil, a cada projeto, também a depender do modelo da estação de recarga.

“Essa é uma nova oportunidade de negócio para o investidor que, além de atrair novos clientes ao seu estabelecimento, poderá associar sua marca a um projeto inovador e de caráter sustentável, qualidades cada vez mais valorizadas pelo mercado”, aponta Marco Gianesini, gestor do programa na Celesc.

Do total de 23 eletropostos, cinco serão estações de recarga rápida e 18 semirrápidas. As estações rápidas vão expandir a infraestrutura já existente entre Joinville e Florianópolis e consolidar um corredor elétrico ao longo da BR 101, entre a divisa com o Paraná até a fronteira com o Rio Grande do Sul. Já as estações semirrápidas serão utilizadas no processo de interiorização dos eletropostos, interligando os eixos Norte-Sul (de Joinville até Criciúma) e Leste-Oeste (de Florianópolis até Chapecó).

Atualmente, Santa Catarina possui sete eletropostos que, somente em 2019, registraram média de 150 recargas por estação. Para 2020 a estimativa é de que sejam realizadas cerca de 300 recargas por ano em cada eletroposto.

Financiada pelo programa de P&D Celesc/Aneel, a iniciativa é realizada em parceria com a Fundação Certi e tem como objetivo impulsionar o uso de veículos elétricos no estado.


Edição: Felipe Silveira
Foto e informações: Celesc