Sem Vander Iacovino, JEC/Krona tenta virada diante do Magnus

O JEC/Krona tem uma missão difícil neste domingo (24). Vencer o Magnus em Sorocaba no tempo normal e na prorrogação para ir à final da LNF. O time paulista tem o melhor ataque da Liga e venceu a primeira partida por 7 a 0 no Centreventos.

Mais do que a classificação, o Joinville vai em busca de redenção. Após a goleada sofrida no jogo de ida, o time vai ao interior paulista disposto a provar que o placar foi atípico. Porém, o Tricolor tem um importante desfalque. O técnico Vander Iacovino teve problemas de saúde e foi vetado pelos médicos. O time será comandado pelo auxiliar, Daniel Junior, que já dirigiu a equipe na partida diante do Tubarão, pelo Estadual. Apesar da ausência do treinador, o time tem todos os atletas à disposição.

Já o Magnus prega respeito ao adversário. Em entrevista ao site da LNF, o ala Leandro Lino ressaltou a experiência dos jogadores do JEC. “Temos que manter os pés no chão, da mesma forma como fomos para lá. Se lá foi 100%, aqui tem que ser 200%. Porque sabemos da grandeza da equipe de Joinville e dos jogadores que estão do outro lado. A maioria dos jogadores foram campeões de Liga, jogaram Copa do Mundo, então temos que entrar ligados para não sermos surpreendidos”, disse o atleta.

Quem passar encara o Pato na final. A equipe do interior paranaense eliminou o Jaraguá e chegou a sua segunda final seguida. O duelo em Sorocaba está marcado para as 11 horas, com transmissão do SporTV.

Texto: Vitor Forcellini
Foto: Juliano Schmidt/JEC/Krona