Joinville é superado pelo Blumenau e fica com o vice no Estadual

O Joinville mais uma vez parou no Blumenau no Catarinense de basquete. Pelo terceiro ano seguido, o time do Norte do estado tem seu sonho de título impedido pelo rival. Jogando na casa do adversário, a equipe perdeu por 73 a 62 e viu os mandantes comemorarem o tricampeonato.

Ambas as equipes chegaram com campanha perfeita até a decisão, que reeditava a final de 2018. Invictas, definiriam no confronto direto quem seria a campeã. Blumenau começou melhor, com a mão calibrada nas bolas de três. Comandada por Iglesias, a equipe chegou a abrir sete a zero no primeiro quarto. Mal ofensivamente, o Joinville pouco pontou e os 10 minutos iniciais terminaram com vitória blumenauense por 20 a 10.

O Joinville reagiu no período seguinte. Rapidamente a equipe encostou no placar e o jogo ficou mais equilibrado. Blumenau tinha mais volume de jogo, mas errava bastante e ficava nervosa a cada novo erro. Os visitantes aproveitaram o momento e diminuíram a vantagem para apenas dois pontos ao final do quarto, 35 a 33.

Na volta do intervalo o Joinville virou o jogo, em bela bola de três de Henrique. Os joinvilenses passaram a jogar melhor e comandar o placar. Irritados com a arbitragem, os jogadores do Blumenau chegaram a ser punidos com duas faltas técnicas. Confiante, o Joinville se manteve na frente e encerrou o quarto vencendo por 55 a 50.

Porém, se o terceiro período havia sido bom, o quarto foi um desastre. O time foi muito mal ofensivamente e passou vários minutos estacionado nos 55 pontos. Blumenau aproveitou e virou o jogo, levantando a torcida presente no ginásio.  bola de três do time da casa voltou a cair e a diferença foi aumentando. Faltado três minutos o Joinville encenou uma reação, mas não conseguiu dar sequência ao bom momento. O Blumenau neutralizou quase todos os ataques do adversário, abriu 11 pontos e comemorou seu terceiro título consecutivo.

Foi a quinta conquista da APAB, que agora se isola na liderança do ranking dos campeões do Estadual. Além disso, foi o oitavo título de uma equipe de Blumenau na competição. A cidade de Joinville é a que mais tem conquistas, 14, mas não vê o caneco catarinense desde 2012.

Blackstar repete o terceiro lugar da temporada passada

Blackstar ficou com a terceira colocação – Foto: FCB

Antes da final aconteceu a decisão de terceiro lugar entre Blackstar, de Joinville, e Grande Florianópolis, de São José. E os joinvilenses levaram a melhor, vencendo por 115 a 63.

O Blackstar repetiu a colocação que conquistou no ano passado, se solidificando com uma das equipes mais fortes do estado na modalidade.

Texto: Vitor Forcellini
Foto: Thassia Machado/Destaques TV