Fluminense goleia o Almirante Barroso e sobe na tabela da Copa SC

O Fluminense chegou a sua segunda vitória seguida e ao quarto jogo sem derrota na Copa SC. Na tarde desta quarta-feira (16), o Tricolor do Itaum goleou o Almirante Barroso na Arena e entrou no G4 da competição. A equipe de Joinville assumiu a quarta colocação com mesmo número de pontos do Brusque, que ainda joga na rodada.

O Flu começou em cima do adversário. Alexandre Alemão e Weslley tiveram boas chances logo no início de jogo. Sem conseguir respirar, o Almirante Barroso errava muito a saída de bola e dava ao Fluminense a chance de marcar. E o primeiro gol não demorou. Aos 34 minutos, Weslley aproveitou bola cruzada pelo lado direito e abriu o placar na Arena.

A partir do momento em que a primeira bola entrou, a porteira foi aberta. Aos 40, Murilo cobrou escanteio pelo lado esquerdo e Cassiano ampliou. Aos 43, Luiz Menezes, de pênalti, fez 3 a 0. Aos 45 minutos, Alemão deu um belo passe para Murilo, que encobriu o goleiro e fez o quarto. Assim, o primeiro tempo terminou com a jogo definido.

Sem nada mais a perder, o Almirante Barroso voltou o intervalo pressionando, disposto a diminuir. O time de Itajaí até levou perigo ao gol do Flu, mas quem marcou foi Weslley. Aos 13 minutos, ele recebeu bola na esquerda e tocou na saída do goleiro para fazer o quinto. Depois, aos 19, aproveitou cruzamento da direita e com um belo toque tirou do zagueiro parar marcar o sexto, fechando o placar.

Com a vitória o Fluminense chegou aos 13 pontos, na quarta colocação. No sábado (19), a equipe faz o duelo local com o Joinville na Arena. Já o Almirante Barroso segue na lanterna da competição, com seis pontos. No domingo (20), a equipe recebe o Brusque em Itajaí.

Ficha técnica

Fluminense 6 x 0 Almirante Barroso
Arena Joinville – Copa Santa Catarina – 11ª rodada
Público: 92 pessoas
Renda: R$ 265,00
Arbitragem: Tiago Soares dos Santos, auxiliado por Helton Nunes e Hector Andrew Lisboa Jacques

Fluminense: Leineker; Luiz Henrique, Weslei Macarrão, Cassiano e Victor; Eduardo, Carlos Pelé, Luiz Meneses (Julio) e Murilo (Lucas); Weslley e Alexandre Alemão (João Pedro). Técnico: Joaquim Fernandes

Almirante Barroso: Hudson; Kaique, Rogélio, Igor e Diego Saraçol (Felipe Jesus); Guilherme, Juninho, Juninho Tardelli (Daniel) e Manoel; Hildo (Maninho) e Fabinho. Técnico: Chiquinho Lima

Gols: Weslley (F), aos 34’/1º, Cassiano (F), aos 40’/1º, Luiz Menezes (F), aos 43’/1º, Murilo (F), aos 45’/1º, Weslley, aos 13’/2º e aos 19’/2º

Texto: Vitor Forcellini
Foto: Lucas Gabriel Cardoso/O Cancheiro