Com dois tempos distintos, JEC empata com o Marcílio em Itajaí

Com dois tempos distintos, o Joinville acabou empatando em 1 a 1 com o Marcílio Dias em Itajaí. Apesar de não ter perdido, o resultado teve um gosto amargo para o Joinville. Após ficar com um jogador a mais e abrir o placar, o time viu as coisas se igualarem no segundo tempo.

Mal o jogo começou e o JEC já ficou com um a mais. Logo aos oito minutos, Boquita deu uma entrada violenta em Leandro Bulhões e foi expulso direto. Bulhões acabou sentindo e deu lugar a Diego. Com um a mais, o Joinville foi para cima e pressionou o adversário. O gol saiu aos 31 minutos. Marcos Brazion cobrou escanteio fora da área para Lucas de Sá, que acertou um lindo chute no ângulo de Vitor Prada. Bem na partida, o Tricolor ainda teve  chances de ampliar, mas o o primeiro tempo acabou mesmo 1 a 0.

No intervalo, o técnico Pedro Medeiros retomou a formação inicial, tirando Chrystian e colocando Roberto em campo. Porém, o Joinville não repetiu a atuação do primeiro tempo. A equipe até criou algumas chances, mas quem dominou foi o Marcílio Dias. Aos 16 minutos, o Joinville errou um passe no meio e Diego Fumaça disparou para o ataque. Campestrini errou o bote e Roberto puxou o adversário, mas não conseguiu derrubá-lo. Fumaça parou em Dalberson, mas o árbitro acabou dando o cartão vermelho para Roberto.

Em condições de igualdade, o Marcílio pressionou ainda mais. Aos 32 minutos, filme muito repetido nos jogos do JEC. Cruzamento da esquerda e Maurício, de cabeça, empata o jogo. Depois do Marcílio chegar ao empate. A equipe da casa ainda teve chance de virar o jogo, mas o Joinville conseguiu segurar o adversário.

O empate deixou o JEC na sexta posição com 12 pontos, quatro a menos que o Brusque, quarto colocado. O Marinheiro chegou aos 25 pontos e segue na liderança da Copa SC. No sábado (19), o Tricolor encara o Fluminense, no duelo dos clubes de Joinville. Já o Marcílio visita o Tubarão no domingo (20).

Ficha técnica

Marcílio Dias 1 x 1 Joinville
Estádio Dr. Hercílio Luz – Copa Santa Catarina – 11ª rodada
Público: 1,366 pessoas
Renda: R$ 18.680,00
Arbitragem: Ramon Abatti Abel, auxiliado por Alexandre de Medeiros Lodetti e Bruno Muller

Marcílio Dias: Vitor Prada;Lito, Magrão, Maurício e Samuel Balbino; Jonathas (David Batista), Boquita e Giba; Mateusinho, Wilson Junior e Juliano Levak (Diego Fumaça). Técnico: Paulo Foiani

Joinville: Dalberson; Renan Guedes, Campestrini, André Baumer e Gustavo; Leandro Bulhões (Diego), Trindade e Lucas de Sá; Marcos Brazion (Luquinhas), Chrystian (Roberto) e Rubens. Técnico: Pedro Medeiros

Gols: Lucas de Sá (J), aos 31’/1º e Maurício (M), aos 32’/2º

Texto: Vitor Forcellini
Foto: Yan Pedro/JEC