Avança a implementação de emissora de rádio da Câmara de Vereadores

Foi publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (19) a Portaria nº 3.563/SEI, de 15 de agosto de 2019, do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, que consigna à Câmara dos Deputados um canal de rádio FM em Joinville (272E, classe B1), a ser operado pela Câmara de Vereadores de Joinville, conforme acordo já firmado com a Câmara dos Deputados desde 8 de março de 2016.

A consignação do canal por parte do ministério é uma das etapas finais do processo burocráticos. Agora, é a vez de a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) publicar ato autorizativo de funcionamento da emissora.

A CVJ e Eletrosul devem firmar acordo para a utilização da estrutura da Eletrosul no alto do Morro da Boa Vista. A manobra deve reduzir custos não apenas para as emissoras da CVJ, mas também às demais emissoras públicas da cidade (Rádio Joinville Cultural 105.1 FM, Rádio Educativa Udesc 91.9 FM e a futura Rádio Educativa do Instituto Federal de Santa Catatina [IFSC]), que não precisarão pagar aluguel de torre e casa-mata para suas antenas e transmissores.

Pela natureza da implantação, ainda que dependa de ato burocrático da Anatel em Brasília, a expectativa é a de que a Rádio Câmara Joinville 102.3 FM entrará em funcionamento antes da abertura do sinal da CVJ TV, cujo processo está em andamento. Isso deve ocorrer no primeiro semestre de 2020, de acordo com os planos da Diretoria de Comunição, em parceria com a Diretoria-geral.

A CVJ TV em sinal digital e aberto, a princípio, deve ficar para o segundo semestre de 2020. Mais detalhes sobre o canal de TV operado pela CVJ serão detalhados em outra matéria.


Edição: Felipe Silveira
Foto: Mauro Arthur Schlieck/CVJ
Informações: Divisão de Jornalismo da CVJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *