Diabéticos realizam protesto contra falta de insulina na terça-feira

A Associação de Diabéticos de Joinville (Adijo) realiza, no fim da tarde de terça-feira (9), um protesto contra a falta de insulinas na rede pública de saúde. A responsabilidade pelo fornecimento dos material essencial à saúde desta comunidade é do governo de Santa Catarina.

Horário e local ainda serão confirmados, mas é mais provável que a concentração seja na frente da Prefeitura de Joinville, às 18 horas (atualizaremos a matéria com a confirmação assim que possível). De lá, pretende fazer uma passeata para um local que também não foi definido.

De acordo com a Adijo, é comum que alguns tipos de insulinas (Lantus, Lispro e Apidra) não sejam entregues na Farmácia Escola. Elas tem um custo alto e precisam ser administrada todos os dias, tendo muitas crianças e adolescentes que necessitam do hormônio. Aproximadamente 2 mil pessoas retiram o medicamento na Farmácia Escola todos os meses.

Os organizadores pedem a adesão da sociedade à manifestação. Solicitam que levem cartazes, apitos e compareçam de roupas azuis ou brancas, se possível, demonstrando apoio à causa. O plano dos organizadores é cobrar apoio de autoridades municipais para pressionar o estado sobre o caso.

Edição: Felipe Silveira
Foto: EBC
Informações: Assessoria