Delegação de Joinville terá 330 atletas para os JASC 2018

Os atletas de Joinville viajam a partir desta quinta-feira (6) para a 58ª edição dos Jogos Abertos de Santa Catarina (JASC), em Caçador. A delegação será composta por 330 esportistas, além de técnicos e dirigentes. As disputas começam na sexta-feira (7) e terminam no dia 16. No ano passado, Joinville encerrou sua participação na quarta colocação geral.

Além da natação, modalidade que abriu os jogos e na qual a cidade conquistou 18 medalhas e o título do feminino no último fim de semana, a expectativa dos dirigentes de Joinville é de conquistar títulos no futsal masculino, tiro armas longas, ginástica rítmica, basquete masculino, bolão 16 masculino, tênis de mesa feminino e jiu-jitsu masculino. Como em 2017, o plano de Joinville é terminar na quarta colocação.

Aposta na base

O coordenador de Alto Rendimento e Formação da Secretaria de Esporte, Estevan Cattoni, destaca que nos últimos anos Joinville vem realizando um forte trabalho nas categorias de base pelo Programa de Iniciação Desportiva (PID), com aproximadamente sete mil crianças.

“Com essa massificação surgem destaques que são incorporados às equipes da Olesc e Joguinhos Abertos. Nos Jogos Abertos nossa delegação é composta por esses atletas, somados aos atletas adultos pratas da casa. Não contratamos de atletas de fora”, explica Cattoni.

Destaques no Atletismo

Embora mais distante do título, diante do investimentos dos concorrentes, o atletismo deve trazer várias medalhas para a cidade, em especial no feminino, em que concorre entre os favoritos, podendo até chegar na primeira posição. A cidade conta com vários destaques que trouxeram medalhas nos últimos jogos, além de competições nacionais e internacionais.

Entre os destaques da equipe, que vai levar 36 competidores (20 mulheres e 16 homens), estão as corredoras Tamiris de Liz e Simone Ponte Ferraz. Conhecida como a “Filha do Vento”, Tamiris, que atualmente treina na Europa, é multi-campeã dos jogos catarinenses. Simone é outra estrela da companhia e multi-campeão dos JASC. Especialista em provas de média distância, ela detém vários recordes estaduais e está entre os principais nomes do país em suas provas. Em junho conquistou a medalha de bronze no GP Brasil, competição internacional.

A equipe joinvilense também é forte nas provas de lançamento, com Ana Lays Bayer e Samara Furtado, destaques nacionais em suas provas. Ainda nas provas de salto, outra estrela é Letícia Oro Melo. Na última edição, ela foi campeã no salto triplo e vice no salto em distância, provas que volta a disputar em 2018, além dos revezamentos 4×100 e 4×400.

Falando em revezamento, a cidade tem chance de pódio nas duas provas. Bruna Cestrem é outro destaque que disputa as duas provas, além dos 400 com barreiras (sua prova principal) e dos 400 rasos. Também pode trazer medalhas para a cidade.

Também há destaques no masculino, embora ainda mais distante do título que as mulheres. Kaynan Xavier Hack (foto), pentacampeão e recordista dos 400 metros com barreiras, está treinando forte para repetir o feito. Ele também vai disputar os 400 rasos e os dois revezamentos: 4×100 e 4×400. O saltador Wellerson Fernando Rosa Carvalho também pode trazer medalhas para a cidade.

A projeção é feita com base nos resultados de competições anteriores e comparações entre os atletas, mas, evidentemente, tudo pode acontecer durante as provas.

Conquistas na natação

Joinville saiu na frente na natação, com o título no naipe feminino e quarto lugar no masculino. O destaque ficou com Carolina Bergamaschi, campeã nas provas de 100 metros peito, 200 metros peito e 50  metros livres, além da prata nos 100 metros livre. A caçula da equipe, Letícia Fassina Romão, com apenas 13 anos, conquistou duas medalhas de bronze, nas provas de 400 livre e 800 livre. Clique aqui e saiba mais.

Texto: Felipe Silveira
Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *