Direção do Basquete Joinville se reunirá com representantes da Liga Nacional de Basquete

Mesmo que não conquiste a Liga Ouro, há uma possibilidade de que o Basquete Joinville entre na próxima edição do Novo Basquete Brasil (NBB). Para isso, é necessário que uma ou mais equipes desistam de disputar a competição, o que pode vir a acontecer. Pensando em mostrar que tem condições de assumir uma eventual vaga, a direção do time vai se reunir com representantes da Liga Nacional de Basquete (LNB) na próxima terça-feira (13), em São Paulo.

No encontro, de acordo com o diretor do Basquete Joinville, Kelvin Soares, a ideia é apresentar o projeto, mostrar como vem sendo feita a gestão e entregar um relatório com o que aconteceu dentro e fora de quadra. “Queremos mostrar para eles que temos capacidade técnica e operacional de, em um futuro, disputar o NBB”, explica Kelvin.

Para a disputa do NBB, o diretor afirma que ainda seriam necessários alguns patrocínios, mas a estrutura e a gestão estão adequadas. “O objetivo da reunião é saber se a Liga abre essa perspectiva para nós. Vamos continuar trabalhando para tentar, se não este ano, ano que vem disputar o NBB”, afirma.

O presidente da Federação Catarinense de Basketball, Oscar José Orsi Archer, também trabalha com essa possibilidade e, inclusive, participará da reunião em São Paulo. Segundo ele, a LNB tem gostado da estrutura apresentada pelos times catarinenses e que, por isso, há a chance de Joinville herdar uma vaga no NBB.

Lilian Gonçalves, coordenadora do NBB e da Liga Ouro, explica que existe no regulamento a possibilidade de a Liga Nacional de Basquete convidar uma equipe da Liga Ouro para disputar o NBB caso exista a vaga. Ainda de acordo com ela, os times têm 20 dias após o término das competições para mostrar que possuem condições de disputar os campeonatos. Mas ela afirma, porém, que ainda não há definições sobre possíveis confirmações ou desistências.

Texto: Alexandre Perger
Foto: Divulgação/Basquete Joinville