PAs de Joinville vão atender apenas urgências, emergências e suspeitas de coronavírus

A Secretaria de Saúde de Joinville publicou, na quarta-feira (18), nova portaria (36/2020) com novas medidas que tratam de restrição de atendimento dos serviços de saúde para priorizar casos de coronavírus. A partir de agora, as unidades de pronto atendimento (UPA Norte e Leste, PA Sul e pronto atendimento do Hospital Bethesda) ficarão restritos apenas para casos de urgência e emergência e suspeita de coronavírus.

Os serviços de atenção primária, sendo estas unidades básicas de saúde nos bairros, passam a atender, por tempo indeterminado, somente casos de demanda espontânea (dores e outros sintomas que levam as pessoas a buscar atendimento médico) e com funcionamento de farmácia e dispensário de medicamentos. As consultas estão sendo reagendadas com espaçamento maior entre os horários para diminuir o fluxo de pessoas nas unidades.

O hospital São José suspendeu todas as cirurgias eletivas, além de consultas e exames agendados. Os serviços ambulatoriais especializados da Secretaria da Saúde estão suspensos por 30 dias para consultas, exames e demais procedimentos. A ressalva será para casos de retorno pós-cirúrgico, de pré-natal e cujo adiamento possa importar em risco de morte ou agravamento irreversível do caso. O Laboratório Municipal suspendeu a realização de coletas de materiais, com remarcação de exames.


Edição: Felipe Silveira
Foto e informações: Prefeitura