Projeto de lei procura extinguir plástico descartável de estabelecimentos

Um projeto de lei ordinária do vereador Odir Nunes (PSDB) procura acabar com a utilização de plástico descartável em estabelecimentos comerciais em oito anos. O projeto nº 11/2020 defende a substituição de utensílios e embalagens descartáveis de plástico pelos fabricados com material biodegradável.

Após a lei municipal que proíbe os estabelecimentos comerciais de utilizar canudos de plástico descartáveis ser aprovada em fevereiro do ano passado, o objetivo do projeto de lei é reduzir o impacto ambiental e evitar o descarte incorreto de materiais recicláveis. “Percebemos que o descarte de grande quantidade de lixo plástico produz significativo impacto ambiente, inclusive com a morte de animais”, destaca o vereador dentro do projeto de lei.

De acordo com o projeto de lei ordinária, os estabelecimentos deixariam de usar o plástico descartável por etapas: uma redução de 25% quando a lei entrar em vigor, 50% dois anos depois, 75% após cinco anos e 100% oito anos após a lei entrar em vigor.


Texto: Fernando Costa
Foto: Mauro Artur Schlieck/CVJ