Queijo produzido na Serra Dona Francisca é premiado em concurso mundial

O Queijo Serra Dona Francisca, da Cia da Ovelha, de Campo Alegre, foi premiado no Concurso Mundial de Queijos de Araxá, que ocorreu no fim de semana, em Minas Gerais. Na competição, foram degustados mais de 1.100 tipos de queijos. O produto catarinense, feito com leite de ovelha e maturação longa, colocou o estado no ranking de melhores queijos do mundo.

“A gestão faz a diferença. Em um mundo cada vez mais complexo, investir em gestão é uma questão de sobrevivência”, afirmou Cida Margotto, proprietária da Cia da Ovelha e do Restaurante Dom Camponês.

Na sua história de vida o queijo sempre foi presente, a começar pelas suas raízes mineiras. Sua avó foi fabricante de queijos e sua mãe também. No ano de 2000, a empresária entrou nesse universo dos queijos e em 2014 partiu para o ramo do queijo de ovelha, impulsionada pelo fato de ter escolhido como cidade de coração Campo Alegre, a capital catarinense da ovelha.

“Sempre entendi que comida é cultura e por isso busco através de minhas ações fortalecer os laços históricos e culturais do local onde vivo, aliando o empreendedorismo, com a culinária e a manutenção dos patrimônios imateriais de um povo”, revelou. A queijeira já tem em seu currículo três prêmios nacionais e este é o primeiro prêmio internacional.

O queijo maturado Dona Francisca com especiarias é o responsável por essa conquista do ouro no mundial e está a venda no Dom Camponês (com fila de espera para o próximo lote), restaurante da fabricante. Ela também fabrica outros queijos, mas todos utilizando o leite de ovelha. Além da fabricação de queijos, a Cia da Ovelha tem doce de leite de ovelha, iogurte de leite de ovelha e sorvete de leite de ovelha.


Edição: Felipe Silveira
Foto: Cia da Ovelha/Foto meramente ilustrativa
Informações: Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *