Festival de Corais reúne mais de 1.300 cantores e 44 grupos em Joinville

Começa nesta sexta-feira (9) a segunda edição do Festival de Corais de Joinville, o maior de Santa Catarina e um dos maiores do país. Serão mais de 1.300 cantores, de 44 corais do sul do Brasil, que farão diversas apresentações — algumas gratuitas — até o dia 18 de agosto.

Para o diretor geral e idealizador do evento, Guilherme Gassenferth, o aumento expressivo de corais e coralistas nesta segunda edição se deve ao sucesso do primeiro, além da por integração com outros grupos e pela vontade de demonstrar o próprio trabalho. “Há um desejo forte no coração de cada coralista de cantar para uma plateia atenta e de conhecer o trabalho dos outros coros”, disse.

Na programação, apresentações gratuitas, mostra de corais escolares, mostra não-competitiva e competitiva. Nesta última, que ocorre no sábado (17), grupos dos três estados do sul competem em busca da premiação de R$ 6 mil. O grupo campeão também será convidado para retornar ao festival no ano seguinte com um concerto exclusivo.

Palestra internacional

O festival vai contar com uma palestra do maestro italiano Massimiliano Carraro, que já regeu o coro do Teatro alla Scala, de Milão, considerado o principal da Europa e o segundo mais importante do mundo. Formado em piano, cravo, órgão, regência coral, composição e regência pelo Conservatório Giuseppe Verdi e regência operística pela Escola Superior de Viena. Trabalhou com grandes nomes da música erudita mundial, como Claudio Abbado e Riccardo Muti.

Carraro vai dar uma palestra sobre como formar coros de alto nível artístico. “A palestra é um presente para os regentes de corais da cidade, uma forma de o festival ajudar a manter um legado para o fortalecimento do canto coral na região”, comentou Gassenferth.

Em comentário traduzido pela organização do evento, o maestro destacou a importância de eventos como este. “Com grande prazer participo do Festival de Corais de Joinville. Manifestações como essas são importantíssimas, não só pelo aspecto musical, mas também pelo grande valor de crescimento social e de agregação humana, o que também favorece o crescimento pessoal individual. Espero que minha pequena contribuição possa ajudar a melhorar o já reconhecido nível de excelência do festival”, escreveu aos organizadores.

A palestra está programada para o dia 10 de agosto, às 10 horas, no auditório do Circolo Italiano de Joinville, com tradução simultânea para o português. Os ingressos custam R$ 30 e podem ser adquiridos no local.

Destaques da programação

O festival terá espetáculos em palcos abertos. O primeiro será na sexta-feira, com apresentação do Coral do Bom Jesus/Ielusc no CEU do Aventureiro. A entrada é gratuita. Serão dez apresentações gratuitas pela cidade, com destaque para a dos jardins do Museu de Arte de Joinville, no sábado, com 10 grupos cantando. Serão feitas apresentações em locais públicos, empresas e até no Hospital Infantil de Joinville.

O festival também conta com duas noites de concertos dos corais das escolas municipais de Joinville, com mais de 400 cantores, incluindo a estreia do CEI Estrelinha Brilhante, com crianças na faixa de 4 e 5 anos. Será na segunda (12) e na quarta-feira (14). Os ingressos, com valores entre R$ 5 e R$ 10, estarão disponíveis meia hora antes do espetáculo, na Sociedade Harmonia-Lyra.

A programação da Lyra segue na quinta-feira (15), com um concerto especial de índios guaranis acompanhados do campeão mundial de projeções mapeadas, VJ Vigas, que usará um projetor para mostrar imagens associadas à cultura indígena.

A noite de gala será conduzida pelo Atmen Chor, de Joinville, com o espetáculo “Brasil em Cantos”, na sexta-feira (16), cantando a diversidade e beleza da música brasileira. A mostra competitiva será no sábado e a não-competitiva no domingo (18), com 13 grupos de Santa Catarina, envolvendo mais de 400 cantores. A abertura será feita pelo coral mais antigo do Brasil em atividade, o Coral da Paz, que comemora 127 anos no dia.

O concerto de encerramento será de responsabilidade do Vocal Masculino Ottava Bassa, campeão do Festival em 2018. O grupo de Curitiba possui mais de 40 vozes masculinas e fará concerto com as melhores músicas de seu repertório.

Para o diretor artístico do evento, o maestro Fernando Klemann, a consagração de um festival de corais não se dá somente por números. “Ela acontece pela qualidade das suas apresentações, pelo alto nível dos profissionais envolvidos e pelo impacto que causa em uma sociedade. Sendo assim, o Festival de Corais de Joinville se transforma em um festival internacional e entra no roteiro do canto coral brasileiro, se tornando um dos maiores festivais do sul do Brasil”, finalizou.

Oficinas

Além dos eventos para o público, o festival oferecerá três oficinas. Sobre regência coral, com Mara Campos; sobre expressão cênica, com Reynaldo Puebla; e sobre afinação, com Juvenal de Moura. Os três são de São Paulo e vêm a Joinville especialmente para as oficinas. As inscrições podem ser feitas no site do Festival.

Mais informações

Mais informações (locais, horários, grupos etc.) podem ser obtidas pelo site do evento, no qual também está disponível a compra de ingressos (sem de taxa adicional). Também está disponíveis na Loja Arcobaleno (rua General Câmara, 483, no bairro Bom Retiro) e na Livraria A Página (a partir de terça-feira. Rua João Colin, esquina com rua Lages).

Ingressos

Mostras competitiva (17) e não-competitiva (18)

Antecipado
R$ 18 (promocional, mediante doação de alimentos na entrada)
R$ 18 (meia-entrada)
R$ 36 (sem doação de alimento)

Na hora
R$ 25 (promocional, mediante doação de alimentos na entrada)
R$ 25 (meia-entrada)
R$ 50 (sem doação de alimento).

Concertos especiais (15, 16 e 18 de agosto)

Antecipado
R$ 25 (promocional, mediante doação de alimentos na entrada)
R$ 25 (meia-entrada)
R$ 50 (sem doação de alimento)

Na hora
R$ 30,00 (promocional, mediante doação de alimentos na entrada)
R$ 30,00 (meia-entrada)
R$ 60,00 (sem doação de alimento)


Edição: Felipe Silveira
Foto: Alan Cruz/Divulgação
Informações: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *