Equipe de jornalistas lança nova revista impressa em Joinville

Ana Ribas Diefenthaeler, Cristiane Schmitz, Fábio Abreu (o único que não está na foto), Guilherme Diefenthaeler, Jean Balbinotti, Jociane Nascimento e Rubens Herbst são jornalistas conhecidos pelo público joinvilense. Com ampla bagagem que acumularam em passagens por veículos, agências e corporações locais, agora eles somam forças e talentos para lançar uma nova publicação em Joinville, a Revista Francisca.

O novo projeto, que começa a circular em agosto, vai trazer reportagens, artigos e entrevistas sobre diversas áreas do interesse dos joinvilenses, como empreendedorismo, economia e negócios, inovação, comportamento, cultura e lazer, sempre sob a ótica de quem vive na maior cidade do estado. De acordo com os idealizadores, o perfil editorial da revista é um jornalismo humanizado e atento aos interesses e demandas das pessoas.

Rubens Herbst, notório repórter e colunista da cultura joinvilense, conta que a ideia partiu do casal Ana Ribas e Guilherme Diefenthaeler, donos da agência Mercado de Comunicação, que atuam há muitos anos com comunicação institucional e que estavam com vontade de fazer algo que remetesse ao ambiente de jornalismo mesmo.

“Há uma vontade muito grande em qualquer jornalista de escrever reportagens, de estar em uma redação, nono ambiente jornalístico. Veio daí a vontade de fazer alguma coisa nesse sentido e de fazer uma revista, de voltar ao meio impresso. Então apresentaram essa ideia de fazer uma revista voltada para assuntos de Joinville”, contou Rubens. Segundo ele, as conversas ocorreram por volta do mês de março e, desde então, o grupo tem focado em construir uma base sólida de parceiros.

Guilherme Diefenthaeler é um apaixonado pelo formato. “Revista é o máximo”, disse, explicando que o gênero “permite linguagens mais elaboradas, aprofundamento, tem vigência maior e busca uma perenidade que o digital não traz”. Ele conta que também se basearam em pesquisas para investir no projeto, assim como a experiência de editar a Revista 21, da Acij, por cerca de cinco anos.

A formação do time se deu a partir da percepção de gente boa e com experiências múltiplas “no mercado”. Alguns mais ligados ao mercado corporativo, outros mais relacionados com o jornalismo diário e de revista, além da atenção no design, especialidade de Fábio Abreu.

“Somamos gente boa, disponível e querendo empreender — de novo — com a percepção de que há espaço para um veículo bem feito. A parte boa é que não vamos concorrer com ninguém. Tem revistas em Joinville, mas são mais focadas em ‘lifestyle’ (como gostam de denominar o perfil), e a gente quer somar, não dividir”, destacou Guilherme.

Essa também é a opinião de Rubens: “A revista Francisca vem para somar às mídias já existentes em Joinville (rádios, TV, jornal, sites, revistas), crente de que uma cidade como Joinville exige e comporta um jornalismo plural, e confiante de que ainda existe público para veículos impressos”.

Características e parcerias

Com tiragem inicial de 3 mil exemplares e estimativa de 36 páginas, a revista terá sua versão impressa como carro-chefe, mas também apresentará edições nas principais plataformas digitais. A publicação será distribuída gratuitamente e estará disponível em pontos de grande circulação, como clínicas médicas, hospitais, cafés, lojas de conveniência e hotéis.

Já na primeira fase, o projeto conta com apoiadores de expressão em várias frentes, caso das empresas Joinvix e Rankr, para suas edições digitais, Gráfica Volpato na produção da revista impressa e Casa 97, onde os empreendedores recebem convidados para o evento de lançamento. Interessados podem entrar em contato pelos seguintes e-mails: comercial@revistafrancisca.com.br e redacao@revistafrancisca.com.br.


Texto: Felipe Silveira
Foto: Ana Carolina Diefenthaeler/Divulgação
Informações: Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *