Corrida Mulheres na Pista colore as ruas de Joinville

Um mar de mulheres vestidas de camisetas cor-de-rosa coloriu as ruas de Joinville na manhã deste domingo (30). A primeira Corrida Mulheres na Pista, exclusiva para mulheres, teve 1.200 corredoras com idade entre quatro e 76 anos inscritas. Mil dessas mulheres concluíram a prova. A largada ocorreu às 7 horas, em frente ao Laboratório Ghanem Mulher, no bairro América.

A iniciativa de realizar um evento exclusivo para mulheres partiu das jornalistas corredoras Carolina Spricigo e Fernanda Gabriella Lüttke, responsáveis pelo portal de notícias de corridas de rua Mulheres na Pista, que há oito anos difunde o assunto e participa de provas em Santa Catarina.

Carolina e Fernanda, organizadoras da prova

“Sempre tivemos como meta fazer a nossa própria corrida. Fomos amadurecendo a ideia ao mesmo tempo em que acompanhamos o crescimento do número de atletas mulheres nas provas da cidade — em alguns momentos, elas já são mais de 50% dos inscritos em algumas distâncias”, conta a jornalista Carolina Spricigo.

Joinville registra um crescimento contínuo no número de provas de corridas de rua e na quantidade de corredores, incluindo a participação de mulheres. Elas, que só tiveram “liberada” a participação oficial nas provas na década de 1970, preencheram mais de 50% das vagas disponíveis em algumas das categorias das principais provas da cidade em 2018.

Ganhadoras das provas

Na distância de 3,5k de corrida, a primeira colocação ficou com a atleta Val Crisanto (00:16:07), seguida por Jhenifer Daiana Neves Gon:çalves (00:17:21), Daniela Alves (00:18:39), Elizandra Aparecida Parizotto Antunes (00:18:55) e por Anelise Terezinha de Mira (00:19:05).

Nos 6k de corrida, o primeiro lugar ficou com Natiele Luana Ribeiro (00:26:10), seguida por Niara Rocha (00:26:24), Preta Dallagno (00:26:41), por Clarice Kuhns (00:27:03) e por Elaine Cavalcanti (00:28:12). Os demais resultados estão à disposição neste link

Ação social

A organização da Corrida Mulheres na Pista firmou uma parceria com a Rede Feminina de Combate ao Câncer de Joinville. As atletas inscritas foram convidadas a doar alimentos não perecíveis durante a retirada do kit. Além disso, lenços (para a cabeça) e gorros também podiam ser doados. Todos os produtos arrecadados serão destinados à associação, que montará cestas básicas e entregará às cerca de 15 famílias carentes das mulheres que estão se tratando do câncer.


Edição: Felipe Silveira
Fotos e informações: Mulheres na Pista