JEC/Krona goleia o Marreco Futsal pelas oitavas da Copa do Brasil

O torcedor tricolor só tem motivos para comemorar neste fim de semana. Depois de vencer o Foz Cataratas na última sexta-feira (14), o JEC/Krona goleou o Marreco por 4 a 1, na manhã deste domingo (16), no Centreventos Cau Hansen, no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil de Futsal. Com o resultado, o Tricolor deu um passo importante rumo à classificação, precisando apenas de um empate no jogo de volta. Os gols do Joinville marcados por Gabriel Penezio, Leco, Leandro Caires e Bruno.

Com a mesma formação utilizada no jogo de sexta-feira pela Liga Nacional, o técnico Vander Iacovino levou à quadra Willian, Leco, Gabriel Penezio, Bruno e Jackson Samurai.

Não demorou muito para JEC tricolor abrir o placar. Aos 4 minutos, Gabriel Penezio recebeu na área, puxou para a esquerda e bateu firme para marcar o primeiro.

Com intensidade no ataque das duas equipes, o jogo continuou com boas chances, exigindo dos goleiros Willian e Di Fanti. Aos 16, o JEC teve ótima chance de ampliar em jogada de Leco e Bruno, mas o Marreco recuperou a bola e em velocidade chegou até a quadra de ataque. Bruno até recuperou, mas perdeu na sequência e Juninho não desperdiçou a chance de empatar.

Joinville e Marreco continuaram criando chances de gol e com marcação intensa e pegada até o final do primeiro tempo.

Na segunda etapa, Vander voltou com Leandro Caires no lugar de Bruno e foi dos pés dele a assistência para o segundo gol tricolor. Em cobrança de escanteio, o camisa 4 encontrou Leco no meio da área. O capitão fuzilou o gol de Di Fanti, colocando o JEC na frente.

O Marreco sentiu a desvantagem no placar e foi bombardeado pelo ataque joinvilense, mas continuou chegando com perigo ao gol de Willian. Leandro Caires, que fez ótima partida, deixou o seu. Aos 15 minutos, Bruno cobrou escanteio pela esquerda, Leco chutou com força e, no caminho, a bola encontrou o leve desvio de Caires antes de balançar a rede para explosão do bom público presente no Centreventos.

Ao Marreco restou tentar buscar o gol com o goleiro linha Pedro Rei, que reforçou o ataque paranaense. Além de não funcionar, estratégia acabou contribuindo para o quarto gol tricolor. Depois de perder a bola na quadra ofensiva, o time paranaense viu Bruno chutar, do meio da quadra, para o gol vazio, sacramentando a vitória tricolor.

O técnico Paulinho Gambier trocou e lançou Juninho como goleiro linha no lugar de Pedro Rei e quase viu o quinto gol dos donos da casa. Leco ainda teve tempo de carimbar o travessão antes do apito final.

O JEC/Krona volta à quadra no próximo sábado (22), às 19 horas, quando enfrenta o Minas, fora de casa, pela Liga Nacional.


Texto: Drika Evarini
Foto: Juliano Schmidt/JEC/Krona

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *