Festival Brotar divulga programação com 70 opções de lazer

A segunda edição do Festival Brotar vai levar para os jardins do Museu de Arte de Joinville (MAJ) ainda mais atividades gratuitas do que o evento de estreia, no ano passado. Quem passar pelo local no domingo dia 16 de junho, das 10 às 19 horas, vai poder escolher entre quase 70 opções de lazer, sendo mais de 35 delas totalmente gratuitas.

O evento, organizado de forma colaborativa, reúne rodas de conversas, oficinas práticas, feira de produtos sustentáveis, terapias para promoção de saúde e bem-estar, atrações musicais, intervenções artísticas e feira gastronômica. Como ocorre desde a primeira edição, a organização montou uma programação que apresente ao público novas tendências de consumo consciente, sustentabilidade e opções para uma vida com mais equilíbrio e relações mais saudáveis.

“Queremos oferecer experiências, conhecimentos e possibilidades de consumo que fiquem na memória das pessoas que forem ao festival. Nossa ideia é que todos percebam que há muita coisa boa no mundo, na nossa cidade, e que podemos ter acesso ao que é bom, seja um produto, um serviço ou um conhecimento compartilhado em uma roda de conversa”, explica o consultor em sustentabilidade Arthur Rancatti, um dos organizadores.

Uma das novidades deste ano é a parceria com o projeto Sábado Zen, que oferecerá gratuitamente ao público vários serviços de terapias alternativas e complementares de saúde, como reiki, shiatsu (massagem), florais de Bach, auriculoterapia, quick massage, além de aulas de yoga para adultos e crianças, e dança circular.

“Estamos muito animados com essa parceria, pois teremos uma área especial, onde vamos concentrar todos os serviços de saúde e bem-estar. Serão vários terapeutas se revezando durante todo o dia para atender o púbico que for ao Festival. A ideia é que saia todo mundo leve e cheio de energia boa dali”, comenta uma das organizadoras, a designer e culinarista vegana Sabrina Gaertner Albuquerque.

Outra novidade é a Feira Gastronômica, que apresentará opções de alimentos produzidos de forma justa e sustentável. A ideia é surpreender o público com opções veganas, orgânicas e com muito sabor.

“Mesmo as opções mais junk foods serão mais saudáveis do que as convencionais. Não dava para fazermos um evento todo sustentável e ético e não trazermos estes conceitos para a praça de alimentação. Queremos apresentar para as pessoas uma nova forma de se alimentarem, mais saudável e consciente, com sabores incríveis”, explica a nutricionista Sheila Wehling, que também faz parte da organização.

Rodas de conversas e atividades para crianças

Propósito após o nascimento dos filhos, plantas alimentícias não convencionais (Panc’s), aromaterapia e cosméticos naturais, compostagem e masculino consciente são alguns dos temas das rodas de conversa que ocorrerão em diferentes horários. A ativista ambiental Nicole Berndt, de Florianópolis, vem com a família para contar a experiência do projeto Casa Sem Lixo. Nicole conta suas experiências para mais de 100 mil seguidores nas redes sociais.

Dentro do Festival Brotar 2019 também será realizada a primeira edição do Fraldada em Joinville. No evento que é realizado em várias cidades do país, mães e pais da cidade vão compartilhar experiências e informações sobre o uso de fraldas ecológicas de pano. Quem passar pelo local, vai poder conferir como usar, entender os benefícios em relação às versões descartáveis e saber onde comprar.

Para incluir o público mirim no evento, haverá um espaço especial com brincadeiras lúdicas e mais naturais. Uma sessão de cinema para crianças também está na programação.

Exposição de produtos sustentáveis e atrações musicais

O público que prestigiar o Festival Brotar poderá, ainda, conhecer produtos ecológicos, sustentáveis e inovadores, feitos por empreendedores locais. A feira funcionará das 10 às 18 horas.

Já as atrações musicais não poderiam faltar nesta edição. O cantor Jesus Luhcas, que batizou o festival, é uma das atrações. Também haverá show do cantor Cassiano Bazana e das bandas Satelit Groove, Orquestra Patafísica e Ilumina Mantras. O evento será encerrado com show do grupo de maracatu Baque Mulher.

Durante todo evento, o MAJ estará aberto para visitação do público. Para quem quiser conhecer a programação completa do Festival Brotar, bastar a acessar a página do evento no Facebook. Quem quiser conferir a edição do ano passado, pode assistir a um vídeo aqui.

Realização

O evento é organizado de forma colaborativa e sem fins lucrativos. Além de Arthur, Sheila e Sabrina, a organização do evento também é composta pela designer e produtora cultural Sarah Pinnow, a empreendedora Carla Viero e a jornalista Ciléia Pontes. Nesta edição, o Festival conta com correalização da Viplan Engenharia, que trará informações sobre modelos de convivência. O Brotar também tem apoio de empreendimentos locais e Secretaria de Cultura e Turismo, que colaboraram para a organização da infraestrutura do festival.


Edição: Felipe Silveira
Foto: Gabriel Silva/Divulgação
Informações: Festival Brotar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *