Joinville recebe etapa da 7ª Semana do Rock Catarinense em julho

A Semana do Rock Catarinense, que há seis anos ocorre em Florianópolis, neste ano fará jus ao nome e estenderá suas atividades a outras cidades do estado. Além da capital, vai ocorrer em São José, Criciúma, Urussanga, Brusque, Lages e Joinville. Serão realizados 15 shows, em cinco locais da cidade, entre 16 e 20 de julho.

A 7ª Semana do Rock SC/Joinville tem a proposta é unir as várias gerações que, décadas a fio, mantêm o rock presente na cultura local. Além dos shows, que vão misturar bandas tradicionais (como Fevereiro da Silva e Sylverdale) com novidades (Teto de Vênus, Horney e outras), o evento trará também um bate-papo e pocket show com ícones do rock da cidade dos anos 80.

Na etapa joinvilense, 13 bandas da cidade e duas de Florianópolis (Marina Radio Clube e Menage, a banda da foto no topo) se apresentam. A conversa sobre o rock de Joinville nos anos 80 será com Moretti (ex-H20) e Robert (Atrito), que também farão um pocket show no dia 17 de junho, no The Old McGallagher Irish Pub. A programação completa da 7SRC/Jlle está abaixo.

Programação

Dia 16 de julho
Local: Didge Steakhouse Pub
Atrações: Bomfim, Blasè e Vacine
Início: 20 horas
Entrada: R$ 10

Dia 17 de julho
Local: The Old McGallagher Irish Pub
Atrações: Bate-papo sobre o rock de Joinville nos anos 80 e pocket show com Moretti (ex-H20) e Robert (ex-Atrito)
Início: 19 horas
Entrada: gratuita

18 de julho
Local: Casa 97
Atrações: Teto de Vênus, Guto Ginjo e Gorilla Grip
Início: 20 horas
Entrada: R$ 10

Dia 19 de julho
Local: Porão da Liga
Atrações: Horney, Napkin, Fevereiro da Silva e Sylverdale
Início: 21 horas
Entrada: R$ 10

Dia 20 de julho
Local: Zeit Cervejaria
Atrações: Aleaz, Dominäria, Mosaico Adulto, Marina Radio Clube (Floripa), Menage (Floripa)
Início: 15 horas
Entrada: gratuita


Edição: Felipe Silveira
Foto e informações: Divulgação

Um comentário em “Joinville recebe etapa da 7ª Semana do Rock Catarinense em julho

  • 9 de Junho de 2019 at 9 de Junho de 2019
    Permalink

    Necessário fazer uma retificação. Robert não é ex-atrito. Acredito que a banda Atrito continua em atividade. Ou ao menos não anunciou nenhum fim. Sendo assim o Robert continua sendo Atrito.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *