Museu Fritz Alt leva arte, história e novas experiências a estudantes

Uma réplica em resina do busto da princesa Dona Francisca como inspiração, a história e fotos de obras do escultor alemão Fritz Alt, argila, criatividade e muita animação marcaram a oficina de modelagem realizada na Escola Municipal Anita Garibaldi, pela equipe de educadoras do Museu Casa Fritz Alt.

A atividade ocorreu na sexta-feira (26), com a proposta de envolver os alunos do quarto ano do Ensino Fundamental em um trabalho interdisciplinar no qual foram trabalhados durante a aula de Educação Artística assuntos relacionados à história e à cultura de Joinville.

De acordo com a professora de artes Sheila Katina Huhn, a oficina de modelagem “Fritz Alt vai à escola” é uma excelente oportunidade para aproximar as crianças ao universo dos museus. Além do conhecimento histórico e cultural compartilhado com os alunos, oferece a possibilidade de novas descobertas.

“Na oficina de modelagem, eles trabalham com escultura, se desafiam a procurar novos materiais, novos suportes. Ouvem vozes diferentes e percebem o que temos no entorno. A atividade é uma forma de resgatarmos o centro da cidade de Joinville de forma concreta”, relata a professora.

Segundo ela, o contato direto com a réplica de uma obra de arte famosa e a sugestão de criar a partir dela surpreendeu os alunos: “Acho que nem eles imaginaram que seria tão bom. Geralmente, trabalhamos com coisas mais utilitárias como cestos, bijuterias. Mas a tarefa de fazer uma escultura inspirada em um artista tão famoso da cidade foi encorajador”.

A aluna Beatriz Franco Dipp, de 9 anos, já visitou o Museu Casa Fritz Alt e conhecia outras obras do artista. Para ela, a riqueza dos detalhes é um dos aspectos mais interessantes do trabalho de Fritz Alt, característica que a pequena escultora também quis reproduzir em seu trabalho.

“Eu nunca tinha mexido com argila e é uma experiência nova. É muito legal fazer a nossa própria escultura. Estou tentando deixar o coque da minha princesa Dona Francisca bem firme para não cair e também quero fazer uma roupa bonita para ela”, disse Beatriz.

Para a professora Sheila, a oficina de modelagem pode preceder a realização de novas atividades com as crianças: “Daqui podemos partir para outros trabalhos com outros artistas. O que eles fizeram hoje ficará guardado dentro deles. Tem coisas muito simples que a gente nunca esquece”.

As escolas que tiverem interesse em receber a oficina de modelagem “Fritz Alt vai à escola” podem entrar em contato com os educadores do museu pelo telefone (47) 3455-0075 ou pelo e-mail educativofritzalt@gmail.com. A atividade é gratuita.

Edição: Kaue Vezentainer
Foto: Phelippe José/Prefeitura
Informações: Prefeitura

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *