#NotasTricolores: Sob a batuta de Surian, JEC inicia preparação para Série D

A influência de Felipe Surian está cada vez mais clara na preparação do JEC para a Série D. Treinador campeão do torneio em 2016, Surian emplacou, nesta semana, algumas contratações. Desde esta sexta-feira, quando Coelho retornou os trabalho no CT do Morro do Meio,  a preparação física está sob o comando de Luiz Carlos Caldiron, de 55 anos, profissional que trabalhou com Felipe no Tupynambás em Minas Gerais.

Felipe Alves fez apenas trabalho físico na reapresentação do elenco. Foto: Yan Pedro.

Também do clube de Juiz de Fora, vem o volante Leandro Salino, de 33 anos, que espera apenas os resultados dos exames médicos para ser apresentado.

Da terra do pão de queijo, o Tricolor está contratando mais dois atletas: o atacante Felipe Alves, de 28 anos, e o lateral direito Ângelo, de 30 anos, que foram observados de perto por Surian enquanto atuaram na Patrocinense, no Campeonato Mineiro. Felipe ainda está em trabalho apenas físico e depende da aprovação nos exames médicos, enquanto Ângelo já foi oficializado.

Outro jogador com passagem no futebol de Minas Gerais que já no CT do Morro do Meio é o zagueiro Renato Justi, de 31 anos. Disputou o Mineiro pelo América em 2018 e, nesta temporada, atuou na Série A do Paulista pelo Votuporanguense.

Vem mais por aí

As contratações não vão parar por aí. O Coelho deve buscar ainda mais um meia articulador e um atacante de velocidade. A depender de algumas saídas – como a de Rafael Grampola, por exemplo – outros atletas ainda podem chegar. A contratação de um goleiro para a reserva de Jefferson não está descartada.

Jogo-treino

A preparação do JEC segue firme durante nos próximos dias. No final de semana que vem, o Coelho deve ter um jogo-treino contra o Paraná Clube em Curitiba, que deve ser fechado à imprensa. É possível que até a estreia na Série D, no dia 4 ou 5 de maio (data ainda não foi confirmada), contra a Ferroviária em São Paulo, o time realize mais um teste.

Não fica

Com contrato até o dia 30 de maio, podendo atuar até a 4ª rodada da Série D. Nathan Cachorrão não deve jogar mais com camisa do JEC. O atleta está negociando com outros times e não tem demonstrado interesse em permanecer no Coelho. Foto: Júlio César/JEC.

Mudanças na diretoria

O Joinville deve confirmar depois da reunião do Conselho Deliberativo no dia 22 deste mês, mas mudanças serão feitas na diretoria. A principal delas é a troca de Alexandre Poleza da pasta financeira. Ele vai passar para o cargo de diretor de futebol. Na prática, Poleza já faz a intermediação sobre os assuntos de campo com o presidente Vilfred Schaptiz.

O novo diretor financeiro será Vanderlei Neumann, que atualmente é o presidente do Conselho Fiscal. Neumann também vai acumular as responsabilidade do setor administrativo, cargo que está vago desde a saída de Luiz Fernando Bublitz.

Rendeu

Outro assunto da semana nos bastidores foi o pedido do JEC para anular os contratos de empréstimos e a confissão de dívida feita pelo ex-presidente Jony Stassun, que cobra R$ 5,2 milhões. A informação dada com exclusividade pela reportagem de Replay Joinville/O Mirante. Na próxima semana, o leitor do site vai conferir a resposta da defesa de Stassun, que prometeu enviar as respostas com os questionamentos até segunda-feira.

⚫⚪🔴

A coluna #NotasTricolores reúne informações de bastidores do Joinville Esporte Clube, Basquete Joinville e JEC/Krona, além de outros esportes da cidade, em edição semanal ou sempre que um grande assunto surgir. A autoria é do repórter Yan Pedro, também setorista do JEC na Rádio Clube, com a colaboração de Vitor Forcellini e o auxílio da redação de Replay Joinville/O Mirante. A foto em destaque é de Júlio César/JEC.

Um comentário em “#NotasTricolores: Sob a batuta de Surian, JEC inicia preparação para Série D

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *