Aumento na arrecadação do Cosip será debatido no dia 3 de abril

Os vereadores marcaram para 3 de abril, às 16 horas, uma discussão sobre o aumento na arrecadação do Cosip (Custeio do Serviço de Iluminação Pública). Serão convidados os secretários de Fazenda, Flávio Martins Alves, de Infraestrutura, Romualdo França, e de Administração e Planejamento, Miguel Bertolini.

Uma reunião debateria o assunto no último dia 6 de março, mas a discussão acabou não sendo realizada pela falta de documentação solicitada pela vereadora Tânia Larson (SD) sobre o contrato da prefeitura com a empresa que faz a manutenção dos serviços de iluminação pública. Na ocasião, a vereadora voltou a pedir o encaminhamento dos documentos.

Dados do Portal da Transparência da prefeitura mostram que o município arrecadou R$ 17 milhões com o Cosip, do início de janeiro até 21 de março. Isso corresponde a mais de 30% do valor previsto para o ano todo, que deve ser de R$ 56 milhões, conforme o orçamento do município. A arrecadação com o Cosip no mesmo período de 2018 foi equivalente, ultrapassando também os 30% do valor esperado.

O alto consumo de energia elétrica no período do verão, motivado por condicionadores de ar e outros aparelhos teria levado alguns consumidores a atingir uma faixa de consumo superior àquela que geralmente atinge, resultando em taxas dobradas de Cosip.

Veja também: Prefeitura decreta situação emergência por causa das de chuvas 15 de março

A repercussão neste ano foi contundente e mobilizou praticamente todos os vereadores em torno do tema. Um grupo de 12 vereadores esteve em reunião, no dia 26 de fevereiro, com o prefeito Udo Döhler no final de fevereiro deste ano com o fim de o “sensibilizar” da necessidade de uma revisão das faixas de cobrança do Cosip. O vereador James Schroeder (PDT) disse em sessão que um novo escalonamento das faixas permitiria uma “subida suave” em caso de maior consumo pelo usuário, e não “uma escada com degraus muito altos”.

Edição: Fernanda Eliza
Foto: Mauro Arthur Schlieck
Informações: Câmara de Vereadores de Joinville

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *