Udo diz que prioridade em 2019 será a infraestrutura

Em prestação de contas realizada na Câmara de Vereadores, o prefeito Udo Döhler (MDB) disse que a prioridade para 2019 será o investimento em infraestrutura. “Vamos gastar fortemente”, assegurou.

Ele lembrou alguns dos empréstimos realizados recentemente pelo município, como o de US$ 40 milhões com o Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata) para a construção da ponte que deve ligar os bairros Adhemar Garcia e Boa Vista, e o de US$ 70 milhões, com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), para a macrodrenagem da bacia do rio Itaum-Açu.

Em abril, a prefeitura deve buscar outro recurso, com a Caixa Econômica Federal, em torno de R$ 100 milhões, para continuar o trabalho de requalificação de vias. Ainda sobre vias, Udo disse que ainda é preciso melhorar a logística na Zona Industrial Norte e mencionou a duplicação da rua Edgar Nelson Meister como foco.

Nova matriz econômica

O prefeito ainda falou que deve começar a preparar as escolas para uma “nova matriz econômica” de Joinville. O aprendizado de robótica deve se tornar central e, conforme o prefeito mencionou em entrevista ao Jornalismo da CVJ, já há preparação de licitações para a construção de laboratórios de robótica em escolas municipais.

Para Udo, em 20 anos o setor metalmecânico deverá perder sua preponderância para o de tecnologia de informação, e que, como reflexo disso, é preciso estimular o uso de outros modais de transporte para além do carro. “Não há como dobrar a largura das ruas”, explicou.

Segundo o prefeito, um setor que deve ser um dos carros-chefe da cidade até 2045 é o de desenvolvimento de próteses e nanotecnologias ligadas à saúde. “Isso está no DNA da cidade”, disse.

Edição: Alexandre Perger
Foto: Mauro Arthur Schlieck/CVJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *