#NotasTricolores: JEC pode ter mudança importante contra Avaí

A semana do Joinville pode ajudar o técnico Zé Teodoro a promover uma mudança importante na estrutura do time para o duelo contra o Avaí, que ocorre no próximo domingo. Contando com uma semana sem novas baixas no DM, o treinador pode levar João Ananias – volante que vem jogando improvisado na lateral direita – à sua posição de origem. Alguns fatores contam a favor dessa mudança.

Reforçar a marcação no meio-campo é a principal delas. Leandro Bulhões não tem dado conta sozinho com atual formação que tem Caíque e Robert como companheiros do setor. O camisa 5 também está com cansaço muscular, o que pode contar a favor do auxílio de Ananias pela região.

Zé já disse algumas vezes que gosta mais de Caíque como meia. Na atual formação, o jogador vem atuando como segundo volante – o que acaba desgastando o principal articulador do time. Foi dele as duas assistências para Robert nas vitórias contra Criciúma e Brusque. Com Ananias no meio, Caíque teria mais liberdade.

O que pesa contra

A tendência natural é pelo retorno de Nathan Cachorrão, que, suspenso, esteve fora da última partida contra o Brusque, no lugar de Caxito. Arez então entraria no lugar do outro atacante de lado, Baianinho. Com o meio-campo reforçado de dois volantes, Arez teria mais liberdade para apoiar – que é a sua principal característica.

O que pode pesar contra é a falta de confiança de Zé Teodoro em Arez. Não é à toa a reserva do jogador, que tem dificuldades na marcação. A partir de quinta-feira, essa formação deve ser testada no CT do Morro do Meio. Zé confia na semana de treinamento para, enfim, conquistar uma vitória fora de casa.

Um possível time do JEC teria: Jefferson; Arez, Luan, Marlon e Erick Daltro; L. Bulhões, João Ananias, Caíque e Robert; Nathan Cachorrão e Hugo Almeida.

Ileso

Zé Teodoro (azul), advogado Roberto Pugliese (em pé) e Baianinho (à direita) na sede do TJD. Foto: Divulgação

O Joinville passou ileso pelos três julgamentos na noite desta terça-feira no TJD (Tribunal de Justiça Desportiva) de Santa Catarina. Os três casos aconteceram no duelo contra o Marcílio Dias, em Itajaí. A única punição foi de um jogo para Baianinho pelo lance da expulsão, mas que foi cumprida automaticamente na partida contra o Criciúma.

Zé Teodoro foi absolvido pelas reclamações contra o árbitro Fernando Miranda. O técnico poderia pegar até seis jogos de gancho. O JEC também se livrou de punição pela confusão nas arquibancadas do Estádio Hercílio Luz. Segundo a Polícia Militar, as duas torcidas estavam jogando objetos uma contra outra. A punição variava de R$ 100 a R$ 100 mil.

Só um milagre

Foto: Divulgação/Basquete Cearense

A situação do Basquete Joinville é desesperadora. Nesta terça-feira, o time perdeu o Basquete Cearense: 88 a 77 para os donos da casa. Faltam cinco jogos para o Joinville. Para não cair, a equipe do técnico Daniel Lazier precisa vencer pelo menos três dos últimos cinco jogos para ter chance de permanecer.

Adversário direto

Se vencer o Brasília na quinta-feira, o time fica a apenas uma vitória do adversário. No turno, o time joinvilense perdeu por 7 pontos. Para ter vantagem no confronto direto – primeiro critério de desempate – o Basquete Joinville precisaria de um triunfo com vantagem maior do que sete pontos.

Aquecendo

O JEC/Krona segue a preparação para os torneios oficiais da temporada de 2019. Nesta quarta-feira, o time estreia na Copa Uniasselvi contra o Jaraguá Futsal. A competição ainda conta com o Blumenau, clube sediante, e o atual campeão da Liga, o Pato Futsal, do Paraná. Na quinta, os vencedores se enfrentam, enquanto os derrotados fazem o outro jogo. Na sexta, tem a rodada final.

Copa do Brasil 2019

Nos próximos dias, o JEC/Krona deve confirmar a participação na Copa do Brasil 2019. A participação estava sendo estudada. Pesou favoravelmente a visibilidade que o torneio pode ter com times tradicionais de Liga. No ano passado, o Tricolor perdeu na final para o Corinthians.

⚫⚪🔴

A coluna #NotasTricolores reúne informações de bastidores do Joinville Esporte Clube, Basquete Joinville e JEC/Krona, além de outros esportes da cidade, em três edições por semana. A autoria é do repórter Yan Pedro, também setorista do JEC na Rádio Clube, com a colaboração de Vitor Forcellini e o auxílio da redação de Replay Joinville/O Mirante.

A foto em destaque no topo é de Júlio Cesar, da assessoria de imprensa do JEC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *