Startup joinvilense adota novo nome para acompanhar crescimento

Depois de oito anos no mercado e mais de 5 mil clientes e 25 mil usuários por todo o país, a Meus Pedidos, empresa de tecnologia com sede em Joinville (SC), anunciou mudança para a sua nova marca: Mercos. O anúncio foi feito durante o evento Alcance, um dos encontros empresariais mais importantes do país, que agora adotará o nome de Mercos Experience.

Atualmente, a empresa – referência nacional pelo desenvolvimento de seu software de potencialização de vendas para indústrias, distribuidoras e representações comerciais – prospecta crescer, em 2018, 60% em relação ao ano passado.

A decisão foi tomada no início de 2017, quando a equipe de empresa observou que o nome Meus Pedidos não era mais adequado, pois o software desenvolvido vai além de uma simples automação de pedidos. Desde lá, houve um processo de concepção de propósito de marca, que consiste na definição de sua razão de existir, daquilo que a motiva estar no mercado.

“Com o amadurecimento e evolução da empresa, vimos que precisávamos nos redescobrir e documentar a nossa cultura e filosofia. O nome antigo não expressava bem tudo o que fazemos, e nem aquilo que queremos nos tornar. Isso culminou em uma nova identidade”, comenta Tiago Brandes, CEO da Mercos.

A transformação da marca pretende fortalecer o engajamento de todos os envolvidos na rotina de uma operação comercial, impactados pelo software da Mercos: do representante à equipe de apoio interno, do gerente comercial ao diretor, do marketing ao TI da empresa. O impacto positivo também chega aos clientes dos clientes, que ganham flexibilidade e agilidade na reposição de produtos com o seu e-commerce B2B.

“A operação comercial é o coração de qualquer empresa, e hoje nosso software é essencial para que este coração continue batendo cada vez mais forte”, reforça Brandes.

De acordo com Brandes, a Mercos acredita que movimentar a economia traz melhora de qualidade de vida das pessoas. “A empresa objetiva ir além das transações comerciais: deseja gerar novos empregos, aumentar a renda familiar e permitir investimentos em novos projetos para melhorar produtos e serviços. A mudança de marca vem reforçar estes objetivos”, explica o profissional. “Não somos um simples fornecedor de tecnologia, vamos movimentar mais de R$ 20 bilhões em vendas através do nosso software em 2018.”

Edição: Felipe Silveira
Foto e informações: Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *