Exposição celebra os 40 anos de arte de Marcos Rück

Trinta e oito anos depois que expôs pela primeira vez na Galeria de Arte Victor Kursancew, Marcos Rück apresenta um novo espaço anexo à Casa da Cultura. “Chronographia” será aberta nesta terça-feira (11), às 19 horas. Com curadoria de Marc Engler, a exposição é composta por 18 obras, entre pinturas, desenhos e objetos que representam diferentes fases do que o artista produziu entre 1978 e 2018.

“Além da alegria de voltar a expor aqui, para os alunos da escola é a chance de um passeio didático por diversas técnicas que o artista pode usar”, afirma Rück, um autodidata que nunca se prendeu a um único estilo ou suporte. Ele também é um artista que não se guia por inspirações avulsas, mas por projetos específicos que encara com a disciplina que utiliza em seus trabalhos de arquitetura. Isso confere às obras um tom especialmente particular, como diz Marc Engler.

Marc Engler, Simone Nascimento e Marcos Rück

“A obra do Marcos é muito visceral, tem muito dele. Porque não tem inspiração, é sempre algo que ele precisa dizer”, observa o curador, que auxiliou o artista na seleção dos trabalhos mais representativos desses 40 anos, entre premiados, presentes em exposições e com sentimentos envolvidos.

O nova exposição está relacionada com “Vida e Obra de Marcos Rück”, biografia escrita por Simone Nascimento, lançada em junho, durante a 15ª Feira do Livro de Joinville. A exposição é um desdobramento e a contrapartida social da publicação do livro, contemplado no edital do mecenato do Simdec 2017.

“Primeiro, é uma alegria passar a obra do Marcos para o papel, onde, acredito, ficará registrada por muitos anos. Depois, ver as obras selecionadas para o livro serem expostas na galeria tem o sentido de missão cumprida, as obras estão a disposição dos joinvilenses para serem contempladas e analisadas! É muito importante poder contar a história de um grande artista local”, enfatiza Simone.

A exposição é gratuita e vai até o dia 28 de setembro. A visitação é de segunda à sexta-feira, das 8 às 20 horas. A galeria fica na rua Dona Francisca, 800, Saguaçu.

Sobre o artista

Marcos Rück nasceu em São Bento do Sul, em 1956. Entre 1974 e 1976, estudou desenho com o mestre Hamilton Machado, mas graduou-se em arquitetura em 1983, em São Leopoldo (RS), e fez pós-graduação em restauração de edifícios históricos em Munique, na Alemanha. Apesar da formação acadêmica, tornou-se um expoente das artes visuais joinvilenses a partir dos anos 1980, trabalhando desenho, pintura, objeto e fotografia. Na cidade e fora dela, realizou 16 mostras individuais, participou de mais de 30 coletivas e de 12 salões de arte. Integrou por 15 anos consecutivos a Coletiva de Artistas Plásticos de Joinville. Dirigiu, entre 2013 e 2016, o Museu de Arte de Joinville (MAJ).

Edição: Felipe Silveira
Foto e informações: Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *