Estudantes do SENAI Joinville participam de competição nacional de construção de drones

Dois grupos de estudantes do SENAI de Joinville, unidades Sul e Norte, participarão da Competição Fórmula Drone 2018, que será realizada de 7 a 9 de setembro na Universidade Federal de Itajubá (Unifei), em Minas Gerais. As equipes joinvilenses são compostas por estudantes do ensino médio articulados aos cursos técnicos de Automação, Mecânica, Informática e Química. As equipes Blue Bird North e Ases do Sul, como são denominadas, estão trabalhando no projeto desde fevereiro.

Na avaliação do professor Daniel de Aviz, que está acompanhando as atividades, os estudantes evoluíram bastante tecnicamente e também nos trabalhos em equipe. “É um grande desafio, mas eles estão preparados, desenvolveram habilidades que permitiram estar prontos para a competição, além de motivados para representar a instituição”, garantiu.

A competição, em seu segundo ano, terá 39 equipes e 415 concorrentes de instituições de ensino técnico profissional de nível médio das cinco regiões do país. As 39 equipes representam 37 escolas técnicas, de 11 estados, mais o Distrito Federal.

Os drones foram desenvolvidos para cumprir 5 missões: decolar; decolar e fazer uma medição; decolar com um objeto e soltar em um local pré-determinado; voar desviando de obstáculos e fazer uma entrega em um determinado local.

Projeto SAE BRASIL Fórmula Drone

A Fórmula Drone é um programa de natureza educacional a cargo da SAE BRASIL cujo objetivo é estimular a difusão e o intercâmbio de técnicas e conhecimentos de engenharia de sistemas aplicada à operação de aeronaves de asas rotativas tipo drone.

Equipes integradas por até 15 alunos, supervisionadas por um professor da instituição que representam, deverão desenvolver sistemas instalados a bordo de drones, visando o cumprimento de tarefas (ou missões) que constituem o desafio técnico da Competição, segundo requisitos detalhados no Regulamento da Competição.

O Projeto Fórmula Drone conta com o apoio do Ministério da Educação (MEC), por intermédio da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC), em parceria com a Coordenação de Aperfeiçoamento do Pessoal de Ensino Superior (CAPES) e tem como patrocinadores as empresas AEL Sistemas e Avibras Indústria Aeroespacial. Conta, também, com o apoio da Unifei, da Prefeitura Municipal de Itajubá e do International Council of Aeronautical Sciences (ICAS).

Edição: Graziela Tillmann
Foto e informações: Assessoria de Imprensa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *