Vendas do Dia dos Namorados ficam aquém das expectativas em SC

O resultado de vendas do Dia dos Namorados foi tímido em Santa Catarina. Apesar da alta de 22,8% no ticket médio (valor médio das vendas por consumidor), de R$ 149,80 para R$ 183,96 em 2018, o faturamento foi aquém do esperado, conforme aponta a pesquisa da Fecomércio SC. O destaque ficou por conta dos estabelecimentos em Joinville, com o maior ticket (R$ 215,79) entre as sete cidades pesquisadas.

No cenário estadual, as lojas registraram queda de 6,5% no faturamento na comparação com o ano passado, mas alta de 7,8% em relação aos outros meses. Lages (-11,4%) e Florianópolis (-11,8%) amargaram as maiores perdas anuais. Já Itajaí (15,9%) e Blumenau (14,3%) apresentam resultados positivos na comparação com os períodos de movimentação normal.

“O Estado já vem apresentando resultados positivos há 18 meses consecutivos, mas o varejo ainda não atingiu o volume de vendas ideal para reverter os prejuízos acumulados no caixa nos últimos anos. A expectativa é estabilizar os indicadores de venda no segundo semestre”, avalia o presidente da Fecomércio SC, Bruno Breithaupt.

Os dados sinalizam que os estabelecimentos estava preparados para a data: cerca de 15% reforçou o quadro de funcionários para atender o aumento no fluxo de clientes. Em Criciúma, 20% contratou temporários.

A principal forma de pagamento foi à vista (60,2%), entre cartão de crédito (28,7%), cartão de débito (18,8%) e dinheiro (12,7%). A compra a prazo no cartão de crédito também se destacou, com 36,7% das vendas no Estado- o índice foi ainda mais expressivo em Lages (46,2%).

A Pesquisa de Resultado de Vendas do Dia dos Namorados foi realizada com 442 empresas do comércio nas cidades de Blumenau, Chapecó, Criciúma, Florianópolis, Itajaí, Joinville e Lages, entre os dias 13 e 14 de junho.

Edição: Felipe Silveira
Foto e informações: Fecomércio SC

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *