Feirão da Caixa movimenta vendas do setor imobiliário em Joinville

Na próxima sexta-feira (25), o Expocentro Edmundo Doubrawa (anexo ao Centreventos Cau Hansen) sedia mais uma edição do 14º Feirão Caixa da Casa Própria, que segue até domingo (27). A expectativa com o evento é grande para alavancar as vendas do setor em 2018.

A edição deste ano contará com mais de 30 expositores, entre imobiliárias e construtoras. Como no ano passado, os correspondentes Caixa Aqui estarão atendendo ao público para fazer simulações e efetivar a compra. “A expectativa da Caixa é superar os resultados de 2017, quando foram negociados mais de R$ 130 milhões. Contribuindo, dessa forma para reaquecer a economia e o sonho da casa própria”, revela Jacemar Bittencourt de Souza, Superintendente Regional da Caixa.

Em 2017, o Feirão movimentou, em Santa Catarina , quase R$ 500 milhões em negócios fechados e, em Joinville,teve cerca de 8 mil visitantes, com mais de R$ 130 milhões negociados. A visitação é recomendada para os que desejam adquirir o primeiro imóvel: é possível fazer um comparativo de ofertas.

Quem for até o Edmundo Doubrawa vai encontrar a maior oferta de imóveis da região e poder comparar ofertas e valores. “Em um único espaço será possível encontrar diversas opções para compra, venda e investimento. A mudança de endereço, agora na região central, deve atrair ainda mais interessados na compra de imóveis”, garante Sérgio Takao Sato, diretor da Tasa Eventos.

Para Romeu de Oliveira, Secretário de Habitação de Joinville, o Feirão da Caixa é uma excelente iniciativa para aproximar o mercado, agente financeiro e principalmente a parte mais importante, os consumidores. “Temos sido parceiros da Caixa por acreditarmos neste evento que possibilitou muitas familiares terem o seu imóvel”, destaca.

“Os bancos têm buscado redução de taxa de juros e liberação de crédito para facilitar e movimentar o mercado, justamente no mês de maio, quando ocorrem os eventos nacionais do Feirão da Caixa, considerados os maiores promovidos no setor imobiliário”, frisa Aline Ev, diretora comercial da Rôgga Empreendimentos, que estará presente na feira.

Na sexta-feira, a feira abre das 16 às 21 horas. No sábado, o trabalho começa às 10 e vai até as 21 horas. No domingo, das 10 às 18 horas. A entrada e estacionamento são gratuitos.

Edição: Felipe Silveira
Foto: Rôgga Empreendimentos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *