Segundo o JEC Futsal, Brasil terá terceira vaga na Libertadores

Em nota publicada na noite de hoje (6), em sua página do Facebook, o JEC anunciou ter recebido a informação de que a Conmebol dará ao Brasil três vagas na Taça Libertadores de Futsal 2018. O comunicado da entidade, de acordo com o Tricolor, foi feito ao Carlos Barbosa, que sediará a competição.

Assim, quem decidirá o representante brasileiro que ficará com a vaga extra é a Confederação Brasileira de Futsal (CBFS). O anúncio precisa ser feito até a próxima quinta-feira (8). As outras duas vagas pertencem ao Carlos Barbosa, atual campeã e cidade-sede, e ao Magnus Futsal, que conquistou a Supercopa de Futsal.

Com isso, a nota afirma que o JEC aguarda o posicionamento da entidade máxima do futsal brasileiro. “O JEC/Krona Futsal, como campeão da Taça Brasil de Clubes, principal competição da CBFS e também da LNF, maior competição do futsal brasileiro, aguardará o posicionamento da CBFS sobre qual clube será indicado a esta vaga e que seja uma escolha justa e por merecimento.

Entenda o caso sobre a vaga

A discussão sobre o destino da vaga brasileira na competição se deu por uma mudança realizada pela CBFS na forma de escolher o representante brasileiro. Nas duas primeiras edições da Supercopa, que dá a vaga para a Libertadores ao campeão, disputaram as equipes campeãs da Taça Brasil e da Liga Nacional.

Em 2018, a entidade precisaria resolver como faria a competição, pois o Joinville venceu as duas competições. O que aconteceu, então, foi a mudança do formato. Além dos dois campeões, passaram a integrar o time da cidade-sede e o vencedor da Copa do Brasil. Com isso, junto com o JEC Futsal, entraram o Sorocaba, o Horizonte e o Atlântico, que foi vice da Taça Brasil.

Texto: Alexandre Perger
Foto: Divulgação/Liga Nacional

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *