Governador diz que estado tem interesse em receber empresa sul-coreana

Em reunião realizada nesta terça-feira (20), assinou um protocolo de intenções afirmando que Santa Catarina tem interesse na proposta da empresa sul-coreana Korea System Business, KSB, que pretende investir US$ 2 bilhões na instalação de um parque fabril no Estado.

A empresa coreana atua no desenvolvimento de tecnologias relacionadas à eficiência energética, como equipamentos de led e para a produção de energia fotovoltaica. “O mundo está pedindo investimentos na produção de energia limpa e nós temos todo o interesse no empreendimento”, disse Eduardo Moreira reforçando que a equipe técnica do governo vai estudar a viabilidade do projeto.

Na reunião, que contou com a participação do presidente da KSB, Jong-Bok Park, o governador reforçou alguns números de Santa Catarina, garantindo aos investidores que o estado tem condições de receber a companhia. “Temos segurança jurídica, porque não aumentamos impostos, é fundamental para novos investimentos”, salientou.

Eduardo Pinho Moreira também destacou que Santa Catarina foi o Estado do Brasil que mais gerou empregos em 2017, e o PIB catarinense de 4,3% bem acima da média nacional de 1%.

Para Jong-Bok Park, o protocolo assinado nesta terça-feira permite que a partir de agora tanto o Estado quanto a empresa possam conhecer melhor o que cada um pode oferecer. “Esse acordo de intenções vai nos permitir conhecer um pouco mais do apoio local e, ao mesmo tempo, mostrar de que forma buscamos atuar”, informou Park.

A empresa sul-coreana pretende apresentar e fornecer toda a estrutura para a substituição dos sistemas de iluminação pública das cidades, com equipamentos mais modernos e econômicos. O parque fabril de Santa Catarina seria um ponto de comercialização para toda a América Latina.

Edição: Alexandre Perger
Foto: Jeferson Baldo/Secom

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *