Eduardo Pinho Moreira assume o governo de Santa Catarina

O vice-governador Eduardo Pinho Moreira (PMDB) assumiu o governo do estado de Santa Catarina nesta sexta-feira (16) e deve permanecer no cargo até o final deste mandato, em dezembro. Isso porque o governador Raimundo Colombo (PSD) vai viajar para a Espanha e renunciar quando voltar, visando a eleição para o Senado Federal.

Em evento realizado no CentroSul, em Florianópolis, mais de três mil pessoas se reuniram para acompanhar a passagem de bastão. Boa parte deste público foi composto por militantes do PMDB, que comemoravam a volta do partido ao poder. Dezenas de lideranças políticas prestigiaram a posse, inclusive o possível sucessor Udo Döhler (PMDB), prefeito de Joinville. O ministro-chefe da Secretaria de Governo, Carlos Marun, representou o Governo Federal.

O médico Eduardo Pinho Moreira é o principal nome de seu partido na na região Sul do estado. Natural de Laguna, em 1949, conta com base eleitoral em Criciúma, onde foi prefeito entre 1993 e 1996. Antes disso foi deputado constituinte (eleito em 1986) e deputado federal (eleito em 1990).

O governo estadual não é novidade para o político do sul. Em 2002 foi eleito vice-governador, na chapa que tinha Luiz Henrique da Silveira como titular. Assumiu o governo em 2006, quando o político do norte se dedicou à reeleição, desta vez com Leonel Pavan (PSDB) como vice. No período seguinte presidiu as Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc) e voltou ao governo em 2010, eleito vice-governador na chapa com Raimundo Colombo, que se repetiu na eleição de 2014.

Destacando pontos fortes da atual gestão, em seu discurso de posse afirmou que vai priorizar saúde e segurança, mas também sinalizou que vai apertar a cinta.

“Vamos ter que fazer mais com menos. Uma gestão técnica e eficiente é fundamental neste momento, para que possamos reduzir os gastos correntes e garantir o bom atendimento nas áreas prioritárias, como saúde e segurança. Vamos diminuir o tamanho da máquina pública e trazer mais incentivos ao desenvolvimento, através de parcerias com a iniciativa privada e estímulos ao empreendedorismo”, disse.

Homenagens
Foto: ADR Joinville

Raimundo Colombo e Eduardo Pinho Moreira também receberam homenagens durante a cerimônia.  Ivete Appel da Silveira entregou duas gravatas que pertenciam ao marido e governador Luiz Henrique da Silveira.

Já a secretária executiva da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Joinville, Simone Schramm, representou as agências regionais e entregou uma obra de Juarez Machado para Colombo.

A gravura assinada e numerada compõe a coleção Chateaux Bordeaux, com exposição realizada no Brasil, em 2009. A obra retrata a força do trabalhador catarinense ao retratar os colhedores de uva. A obra está intitulada como “Châteaux Mouton Rothschild Colheita III” e possui 65 centímetros de largura por 90 centímetros de altura.

Texto: Felipe Silveira
Foto: Jaqueline Noceti/Secom
Informações: Governo de Santa Catarina

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *