Servidores da Educação voltam ao trabalho, mas podem decidir greve amanhã

Foto: prefeito inspeciona obras nas escolas da rede municipal

Os servidores da Educação participam de assembleia na quinta-feira (1), às 19 horas, no Sindicato dos Servidores Públicos de Joinville (Sinsej), para deliberar sobre início de greve. A mobilização iniciou no final do ano passado, quando a Prefeitura anunciou o Calendário Escolar 2018. Os trabalhadores não gostaram de ter o recesso reduzido e a carga horária ampliada em 2018.

O Calendário da Prefeitura conta com 208 dias, início do ano letivo em 1º de fevereiro e término em 21 de dezembro. Os trabalhadores reafirmam a defesa do calendário formulado pelo Sinsej, com início em 5 de fevereiro e encerramento em 14 de dezembro, totalizando 200 dias de efetivo trabalho escolar, como determina a Lei de Diretrizes e Bases da Educação. Segundo o sindicato, os trabalhadores já estão sobrecarregados pela falta de estrutura, de materiais básicos e de funcionários.

Para os alunos, as aulas começam dia 5 de fevereiro. A Secretaria de Educação estima receber cerca de 75 mil alunos. A cerimônia de início do ano letivo será na Escola Municipal Monsenhor Sebastião Scarzello, unidade escolar que foi municipalizada.

De acordo com a Prefeitura, esta primeira semana de atividades está voltada para a capacitação. Para os professores, auxiliares de sala, coordenadores pedagógicos e demais membros das equipes pedagógicas das unidades escolares a primeira atividade do ano será uma capacitação. Nesta manhã de quinta-feira (1), eles participam de uma palestra sobre neurociência e psicopedagogia, no Centreventos Cau Hansen.

A formação será com o presidente da Sociedade Brasileira de Neuropsicopedagogia, Luiz Antonio Corrêa, doutor em psicologia pela Universidade del Salvador, na Argentina. As capacitações continuam dia 2 de fevereiro. A maioria dos temas será sobre a implantação da Base Nacional Comum Curricular e construção de novos currículos escolares.

Edição: Felipe Silveira
Foto: Prefeitura de Joinville
Informações: Sinsej | Prefeitura de Joinville

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *