Joinville reage de forma espetacular e bate Franca na estreia no NBB

No jogo que marcava o retorno do Joinville ao NBB, a equipe catarinense chegou a estar 23 pontos atrás do Franca, mas em uma reação espetacular venceu a partida por 66 a 59. Com dois tempos distintos, os joinvilenses surpreenderam todos na segunda metade do jogo e mostraram aos adversários que mesmo após três anos longe do campeonato nacional, o Centreventos Cau Hansen segue sendo um terror para os visitantes.

O Joinville começou muito mal ofensivamente e não conseguia pontuar diante da forte defesa do Franca. Porém, o time conseguia segurar os paulistas com um bom trabalho defensivo. Mas conforme o time não foi pontuando, Franca foi abrindo diferença e encerrou o primeiro quarto vencendo por 17 a 9. Cipolini era o principal pontuador dos visitantes, enquanto Felipe Vezaro liderava a pontuação joinvilense.

Mas o jogo dos mandantes desandou no segundo quarto. Franca imprimiu seu ritmo e engoliu a equipe do Joinville, que levou mais de três minutos para fazer a primeira cesta. Sem força ofensiva, o Joinville foi presa fácil para o atual vice-campeão paulista, que abriu 20 pontos de vantagem. Gruber com bons arremessos de três e dominando o garrafão nos rebotes. Sem reação, o Joinville acabou o quarto perdendo por 36 a 16.

A reação veio após o intervalo. O Joinville voltou aceso no jogo e finalmente conseguiu impor seu jogo. No embalo de Max e Stocks, o time começou muito bem o período e diminuiu a diferença para 8 pontos. Com Jerônimo, Bambu e Vezaro contribuindo bem no ataque, o terceiro quarto terminou com Franca na frente por apenas quatro pontos, 49 a 45.

O Joinville continuou embalado no último período e em bela infiltração de Felipe Vezaro, cestinha com 23 pontos, chegou ao empate. A essa altura a torcida já havia inflado o ginásio. Porém, chegar é uma coisa, passar é outra. O Franca conseguiu manter a concentração e evitou que o Joinville passasse a frente. Com o tempo, conseguiu esfriar a reação do time da casa e o jogo ficou equilibrado pela primeira vez.

Mas a reação joinvilense já havia chamado o sexto jogador da equipe para a quadra. No momento em que o Franca conseguia se manter a frente no placar, a torcida não deixou a equipe baixar o ritmo. E a virada veio faltando três minutos para o fim, em mais uma grande jogada de Deonta Stocks. O americano mostrou porque foi a grande contratação da equipe para a competição. Com mais duas cestas colocou a vantagem em seis pontos. No fim, controlou o relógio e conduziu o Joinville a primeira vitória na competição.

Mudança de postura e reação

Maior reboteiro do time, com 10 arremessos recuperados, Max comentou a melhoria na produção ofensiva do time “trabalhamos mais a bola, jogar de forma mais coletiva. Estávamos com poucas assistências no primeiro tempo, mas conseguimos melhorar no segundo. Temos que saber a hora de correr e a hora de gastar os 24 segundos”.

Já o técnico George Salles exaltou a equipe e defendeu o trabalho feito nas últimas semanas. “O que nós usamos no vestiário foi a desconfiança que foi colocada em cima da equipe por vocês da imprensa. Nós falamos para eles que se voltássemos e fizemos 20 minutos iguais ao primeiro, as criticas dobrariam. Pedimos paciência, é um grupo jovem, 80% formado aqui na base do Joinville, que treina seis horas por dia e que deixa até o último suor dentro da quadra e foi isso que eles fizeram hoje. Mas não ganhamos nada, foi só o primeiro jogo. Estamos brigando para permanecer o NBB”, disse o treinador do Joinville.

Nesta partida, 837 pessoas acompanharam a vitória joinvilense, deixando para o clube uma renda de R$ 9.045. A equipe da casa volta a quadra na próxima sexta-feira (17), às 20 horas, contra o Bauru no Grêmio Whirlpool. Já o Franca enfrenta o Caxias, fora de casa, também na sexta-feira, às 20h05.

Texto: Vitor Forcellini
Foto: Yan Pedro/O Mirante

Um comentário em “Joinville reage de forma espetacular e bate Franca na estreia no NBB

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *