Festa das Flores começa nesta terça-feira com o tema Jardins do Futuro

Prestes a se tornar octogenária, a festa oficial da cidade chega totalmente renovada e pronta para estrear uma nova era, com o tema Jardins do Futuro, planejado para levar o visitante a refletir sobre a importância e como integrar meio ambiente e tecnologia.

Para representar esse conceito, o pavilhão da Expoville se transformará em um legítimo oásis, onde elementos da natureza como água, madeira, árvores, flores e plantas ornamentais, combinados a obras de arte, recursos cenográficos e de iluminação, darão destaque especial às protagonistas da festa: as orquídeas.

A visita à exposição vai seguir um circuito que revelará diferentes ambientes. Entre eles estão um cenário árido, um mirante de onde será possível contemplar a exposição, jardim vertical, locais intimistas, jardim com lago e um grande espelho d’água, com trinta metros de comprimento por cinco metros de altura.

Dando vida a cada espaço, milhares de orquídeas, flores da estação, plantas ornamentais, cactos, árvores frutíferas e muito verde. De acordo com o arquiteto Silvio Parucker, responsável pelo projeto paisagístico da festa, será um espaço convidativo e que deve despertar a emoção do público.

“Quando falamos em jardins do futuro, pode-se ter a ideia de algo artificial. Mas, muito pelo contrário, queremos resgatar os conceitos mais tradicionais. Tivemos o cuidado de pensar em uma composição harmônica das cores, que estarão presentes em um degradê formado por muitas flores, folhagens e plantas”.

Espetáculo das orquídeas

Como atrações centrais da 79ª Festa das Flores, as orquídeas prometem dar um show especial, neste ano. Isso porque as condições climáticas dos últimos meses favoreceram a florada e vão garantir a presença de plantas diferenciadas na exposição, que deve contar com aproximadamente cinco mil exemplares.

“Teremos número e variedade recorde de orquídeas, nesta edição. Certamente, a Festa das Flores é o maior evento do gênero, do Brasil, com maior quantidade e diversidade de plantas expostas. Além disso, são orquídeas diferenciadas, já que a maioria dos nossos expositores é de colecionadores e não de produtores comerciais”, afirma James Hasselmann, presidente da Agremiação Joinvilense de Amadores de Orquídeas (AJAO).

Foto: Arquivo da Festa das Flores
Informações: Secom Joinville

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *