JEC e Foz Cataratas iniciam batalha das semifinais no sábado

Joinville e Foz Cataratas iniciam a luta por uma vaga na final da Liga Nacional neste sábado (4), às 21 horas, no Ginásio Costa Cavalcante, em Foz do Iguaçú. O Tricolor foi a única equipe que venceu o Foz em sua casa e a torcida iguaçuense não digeriu esta derrota. Canabarro, do Foz, é o único desfalque entre os times para o jogo.

O Joinville chegou à Foz do Iguaçú, Oeste do Paraná, na tarde de quinta-feira (2) para o primeiro jogo da semifinal da Liga Nacional. A equipe treinou na tarde de sexta-feira e está pronta para o confronto. Na fase classificatória, o JEC venceu no Paraná por 4 a 3. Betão, Fernando, Gabriel e Leco marcaram os gols da vitória. William ainda defendeu um pênalti, cobrado por Neto Veiga. Willian, Vini e Neto marcaram os gols do time paranaense.

Para Vander Iacovino, o confronto do início da temporada ficou para trás. “Cada jogo é uma história, um foco, um jogo com outra característica, um jogo onde os detalhes são importantíssimos”, afirmou o treinador da equipe joinvilense. O técnico terá todo o elenco à disposição.

A equipe ganhou a pressão de ser apontada como favorita ao título depois das quedas do Corinthians, atual campeão, Sorocaba e Carlos Barbosa. O JEC eliminou o Concórdia nas oitavas com uma vitória fora e um empate em casa. Nas quartas, o eliminado foi o o Atlântico. Depois do empate no Rio Grande do Sul e a vitória em Joinville, no último domingo, por 2 a 1.

O Tricolor está invicto na Liga Nacional há 17 jogos. São quase seis meses sem derrota na competição que é a mais desejada pelos joinvilenses. Neste período somou nove vitórias e oito empates. Eka (11), Xuxa (10), Gabriel e Jacson (9) são os principais goleadores do time que já marcou 61 gols no campeonato. Jogando fora de casa, o JEC conquistou 50% de aproveitamento, com três vitórias, seis empates e 1 derrota.

A torcida iguaçuense não aceitou a derrota da primeira fase para adversário da semifinal. Foi a única derrota do Foz Cataratas jogando em seu ginásio. Em dez jogos o time venceu cinco e empatou quatro, um aproveitamento de 63%.

O técnico Luciano Bonfim não poderá contar com Canabarro, expulso no último domingo. Depois de terminar a fase classificatória em 11º lugar, o Foz eliminou nas oitavas o Pato Futsal, no clássico parananese. Foram duas vitórias: 5 a 2 em casa e 2 a 1 em Pato Branco. Nas quartas, o gigante Carlos Barbosa cruzou o caminho dos iguaçuenses. Empate em casa 1 a 1 e uma goleada no Rio Grande do Sul, 7 a 4.

Com a vitória sobre o gigante gaúcho, o time para chega confiante para a semifinal e espera vencer o jogo em casa para obter a vantagem de jogar pelo empate domingo (12), em Joinville.

O jogo será transmitido pelo SPORTV e pela Rádio Clube AM 1590. Emerson dos Santos (RS) e Marco Antônio da Silva (RS) apitarão a partida.

Texto: Marcos Aurélio Carvalho
Foto: Juliano Schmidt/JEC Futsal

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *