Encontro reúne desenvolvedores, jornalistas e ativistas em busca de mais transparência pública

Com o propósito de mobilizar pessoas e combinar conhecimentos em busca de mais transparência na administração pública, ocorre neste sábado (26), às 14 horas, o encontro Joinville Dados Abertos. O evento vai reunir desenvolvedores, jornalistas, ativistas e outros interessados para discutir o tema e propor ações que visem o acesso aberto a dados sobre a cidade.

A organização é do evento é do Fab Lab Joinville, que conta com a parceria de jornais independentes da cidade, como Conecdados, O Mirante, Paralelo Jornalismo, além do projeto Transparência Joinville e do Curso de Jornalismo da Associação Bom Jesus/Ielusc.

O evento terá a participação de Álvaro Justen, desenvolvedor e ativista de software livre, que fará uma palestra de introdução ao tema dos dados abertos. Conhecido como Turicas no meio digital, ele representa a Escola de Dados, uma organização cujo objetivo é ajudar organizações da sociedade civil, jornalistas e cidadãos que queiram usar dados de forma eficaz em seus projetos para criar sociedades mais justas e sustentáveis. Uma parte do projeto visa justamente treinar jornalistas para que explorem as dados públicos da melhor maneira.

Álvaro, que atualmente mora em Curitiba, viaja por todo o país fazendo palestras e cursos de diferentes níveis sobre o assunto. Neste ano, por exemplo, ele participou do Congresso da Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji), em uma formação para jornalistas (foto).

Além da palestra, jornalistas, ativistas e desenvolvedores vão compartilhar ideias sobre suas experiências em Joinville. Após as falas, haverá um debate com o público, visando responder as seguintes questões: Como especialistas, movimentos sociais, o setor privado e o governo podem colaborar para melhorar a utilização dos dados disponíveis para gerar políticas publicas mais assertivas? Como o acesso a esses dados pode propiciar o desenvolvimento de soluções inovadoras para negócios e causas sociais?

O encontro é apenas o primeiro de uma iniciativa cujo objetivo é superar os obstáculos para a obtenção de dados abertos na administração pública. A ideia é mobilizar uma comunidade que busque permanentemente soluções para gerar mais transparência, possibilitando uma fiscalização mais eficaz dos governos e uma participação social cada vez maior.

Para participação, acesse o site do evento e se inscreva. A entrada é gratuita, mas você pode colaborar voluntariamente se desejar. Veja mais detalhes sobre isso no evento. O encontro vai ocorrer no Anfiteatro do Bom Jesus/Ielusc (rua Princesa Isabel, 438, Centro).

O jornal O Mirante faz parte da organização do evento.

Edição: Felipe Silveira
Foto: Alice Vergueiro/Abraji/Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *