Número de reclamações no Procon de Joinville vem caindo a cada ano

Entre 2015 e 2016, o número de reclamações feitas no Procon de Joinville caiu 18%. O total de queixas passou de 7.471 para 6.141, segundo gerente do órgão, Kleber Fernando Degracia. Ele esteve na Câmara de Vereadores para responder a dúvidas levantadas pelo vereador Wilson Paraíba (PSB) quanto à não existência de uma sede própria do Procon.

Para 2017, a estimativa é de que o número chegue a 5 mil. Até agosto, foram 3.371 reclamações. O motivo da queda, segundo o gerente, seria novas formas de prestação de queixa, como o site consumidor.gov.br, do governo federal, que registrou, apenas em julho deste ano, 178 reclamações feitas a partir de Joinville.

Em relação à sede própria, Degracia afirma que “seria um sonho”, mas que não havia como instalá-la no momento porque, entre outras coisas, não há terrenos disponíveis para a implantação na região central da cidade, e os valores para a aquisição de um terreno na região seriam muito elevados.

O dinheiro arrecadado pelo Procon com multas aplicadas está em torno de R$ 1,9 milhão, conforme Degracia, valores que não podem ser aplicados em outro campo que não a própria defesa do consumidor.

Texto: Alexandre Perger
Foto: Divulgação/Prefeitura de Joinville

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *